Após prefeito tentar mudar lei para manter esposa em cargo público, MP recomenda exoneração em Barra Velha

O Ministério Público de Santa Catarina recomendou nesta quarta-feira (27) a exoneração de todos os funcionários da prefeitura de Barra Velha com algum grau de parentesco com o prefeito Valter Zimmermann, o que inclui a mulher dele Soneiva Cruz, atualmente secretária municipal de Assistência Social.

Ela mesma admitiu em um vídeo que a nomeação dela para o cargo foi ilegal. Para tentar resolver a situação o marido dela e prefeito enviou uma emenda para a câmara de vereadores que foi aprovada na primeira votação.



A segunda votação ainda não aconteceu. No caso do descumprimento dessa recomendação, o MP disse que tomará todas as medidas judiciais cabíveis. O prefeito pode até responder por improbidade administrativa. A prefeitura de Barra Velha ainda não se manifestou a respeito disso.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.