Camboriú recebe ajuda humanitária do Governo do Estado

A cidade de Camboriú recebeu na noite dessa terça-feira, dia 16, 201 kits de limpeza enviados pela Defesa Civil do Estado para atender às famílias atingidas pelas enxurradas da última semana, além de 536 kits de higiene e outras 219 cestas básicas. Na quinta-feira, um novo carregamento enviado pelo Governo do Estado é esperado, com 121 colchões de solteiro e 131 colchões de casal, junto de kits de acomodação, com roupas de cama.

A ajuda humanitária foi liberada após a decretação de Situação de Emergência pelo prefeito Elcio Rogério Kuhnen, sob a orientação da Defesa Civil do Município, no último domingo. Segundo o secretário Flávio Geraldo, a ajuda corresponde a 30% menos do que o solicitado, mas é muito bem-vinda e importante para os moradores que tiveram suas casas invadidas pela água e lama.
Todos os kits e mantimentos começaram a ser entregues na manhã desta quarta-feira, com o auxílio do Corpo de Bombeiros e Agentes Comunitárias de Saúde. “As agentes conhecem muito bem as suas comunidades e conseguem identificar as residências mais necessitadas, como famílias em que há pessoas com deficiência, idosos, gestantes e crianças”, explica o secretário.
Ele também reforça que foi iniciado o chamamento das pessoas atingidas para que façam o cadastramento junto à Defesa Civil para liberação de saque do FGTS. A ação faz parte das exigências necessárias para homologação do decreto de Situação de Emergência pelo Estado e o secretário Flávio Geraldo destaca que o cadastramento, por si só, não é uma garantia de que o saque será autorizado.
“O cadastramento faz parte do processo necessário para que nosso decreto seja homologado. Estamos cumprindo todas as exigências com muito rigor e seriedade. A expectativa do Município é de que os moradores de Camboriú que tiveram prejuízos devido às chuvas e deslizamentos consigam fazer esse saque e reestruturar suas casas”, completa o secretário.
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.