Certificação do Selo Social será no dia 22 de fevereiro

O Programa Selo Social, que reconhece e certifica projetos que impactem positivamente na sociedade, divulgou os resultados do primeiro ano de atividade em Balneário Camboriú e Camboriú. Nos dois municípios, ao longo de 2017, foram realizados 94.414 atendimentos, sendo que 24.456 a crianças, 19.292 a adolescentes, 42.571 a adultos e 8.095 a idosos.

Os atendimentos ocorreram por meio de projetos que visam estabelecer vínculo de pessoas com deficiências no mercado de trabalho, prevenir o consumo de álcool e drogas, desenvolver a economia ecológica, estimular a prática de esportes, entre outros objetivos.



As cidades foram avaliadas juntas em razão de que as mesmas empresas participantes do programa beneficiavam tanto Balneário Camboriú, como Camboriú. Essa união fez com que os números tomassem grande proporção.

Ao todo, participaram do Selo Social 22 organizações. Seis fazem parte do setor público, sete do setor privado e nove de sociedades civis. De todos os beneficiados pelo setor público, 38% eram adolescentes, 34% crianças, 27% adultos e 1% idosos.

A Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Balneário Camboriú faz parte do Conselho do Selo Social. O secretário da Sectur, Miro Teixeira, é articulador no município. Já o diretor de Desenvolvimento Econômico, Eduardo Ramon Iba, é um dos membros do Conselho. Com os demais integrantes, eles avaliam as propostas, qualificando as ações e os projetos sociais das organizações.

Certificação ocorrerá dia 22 de fevereiro

O Programa Selo Social está indo para a última etapa do ciclo de 2017, na qual as organizações serão certificadas pelos seus projetos. O evento ocorrerá dia 22 de fevereiro, no Maria’s Shows e Eventos.

O tema do programa em 2017 foi Integrando e Reconhecendo Balneário Camboriú e Camboriú. Articulado nacionalmente pelo Instituto Abaçaí, o Selo Social promove formações técnicas que contemplem os “Objetivos de Desenvolvimento do Milênio da ONU”, que são: Acabar com a fome e a miséria; Educação básica de qualidade para todos; Igualdade entre sexos e valorização da mulher; Redução da mortalidade infantil; Melhoria da saúde das gestantes; Combate à Aids, malária e outras doenças; Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente e Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.