Eletricista que fazia reparos em escola é preso queimando fios de cobre para vender

A Polícia Militar de Camboriú prendeu um homem pelo crime de dano qualificado, no começo da madrugada deste sábado, dia 10 de novembro, nas dependências do Colégio José Arantes, no centro da cidade.

A PM foi chamada para verificar um homem que teria colocado fogo em fios elétricos novos que seriam instalados na escola. No local, outra viatura já estava abordando o suspeito.



Uma funcionária da escola relatou que o homem, que é eletricista, foi contratado para realizar alguns serviços de reforma elétrica, e que ele estava alojado no colégio, e que o mesmo teria ateado fogo em quatro rolos novos de fios elétricos, totalizando 400 metros em cima de dois carrinhos de mão, para queimar a parte externa e extrair o cobre para venda.

O homem confessou o crime. Ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado para os procedimentos cabíveis.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.