EXCLUSIVO: O “Lado B” das Associações de Bairro em Balneário Camboriú.

Nos últimos dias, o assunto tem sido as eleições das Associações de Bairro em Balneário Camboriú. A disputa das chapas e suas campanhas tem tomado conta das redes sociais, grupos de Whatsapp e as ruas dos bairros em busca da vitória no pleito. Mas qual a atual realidade dessas associações?

O que ninguém sabe, ou procurou saber, é que a situação legal de grande maioria das associações de bairro em Balneário Camboriú, está uma bagunça só.
Das 14 associações de moradores de Balneário Camboriú, apenas 3 tem prestação de contas e documentos relativamente “em dia”, Quarta Avenida, Praia dos Amores e Centro.

As demais apresentam problemas de diversos tipos. Dentre os problemas existentes, está a falta de prestação de contas jurídica e financeira, associações sem saber quem é o presidente, sem atas de eleição, CNPJ irregular e alguns até mesmo sem os livros de Ata.

A UNIBAC (União das Associações de Moradores de Balneário Camboriú), não está longe também. Até mesmo a “mãe” das associações apresenta diversas irregularidades.

Alguns dos problemas envolvendo algumas associações são relatados a seguir.


Bairro das Nações

Um caso interessante envolve a Associação de Moradores do Bairro das Nações.
O CNPJ da Associação está em nome de “Carlos Henrique Pacheco”, pessoa que ninguém consegue identificar quem seja. Como não foi encontrado as atas de eleição com o nome do dito “presidente” e nem mesmo de um vice, a associação fica sem saber quem é o responsável por assinar juridicamente pela entidade.


Bairro dos Municípios e Barra

O caso do Bairro dos Municípios é ainda mais complicado. A associação alega teve seus livros de atas e documentos furtados.
Segundo a entidade, na mesma ocasião, foram roubados 12 computadores recebidos de doação. Ou seja, a associação além de não ter as atas das últimas eleições, também não tem o registro dos 12 computadores e 12 mesas, que foram doados para montar um laboratório de informática para a comunidade.
O CNPJ ainda consta como administrador o antigo presidente em 2011 e atual candidato a presidente, Elton Garcia.
Informações chegaram de que a associação dos Municípios até divida tem, mas o fato não foi confirmada pela redação do Visse?.
Clique na imagem para ampliar

O CNPJ da associação do Bairro da Barra, está com registro de baixa por Omissão Contumaz (quando a empresa deixa de declarar imposto de renda obrigatório).
Não tivemos informação de outras irregularidades.
Clique na imagem para ampliar


Vila Real

O que mais impressionou no caso da Vila Real, é que o presidente que consta no CNPJ da associação, é uma pessoa muito conhecida no bairro.
Porém, até mesmo os vizinhos mais antigos, sequer sabiam que ele foi presidente um dia. Se alguém souber quando que o Elio Panca foi presidente lá, nos avise.
Clique na imagem para ampliar


O Exemplo vem de cima?

Por incrível que pareça até mesmo a entidade que rege as associações, tem sérios problemas jurídicos. Uma amostra de que, nem sempre, o exemplo vem de cima.
A UNIBAC, está sem prestação de contas faz mais de cinco anos. Eleições ordinárias então, faz em torno de 8 anos que não se sabe o que é isso.
Resultado de uma gestão cheia de furos, o CNPJ da entidade que rege as associações em nossa cidade, tem AINDA como responsável, Celso Antônio Schneider, que foi presidente da UNIBAC até fim de 2008. Ou seja, não foi alterado os documentos da entidade após a nova presidência assumir em 2009.
Clique na imagem para ampliar

Em 2015, na gestão da presidente Angelina Schneider, foi criada uma comissão para convocar novas eleições de diretoria. Uma única chapa se inscreveu para concorrer, e esta teve sua candidatura indeferida pela comissão por problemas na documentação.
Como não teve eleição e não tinha chapa para concorrer, a mesma presidência permaneceu no comando até final de 2016.
Já em janeiro de 2017, Fernando Brito, assumiu interinamente o comando da UNIBAC, com o compromisso de resolver as pendências da entidade e demais associações filiadas.
Dentro das atuais circunstâncias, da para imaginar que nem mesmo Brito imaginava o tamanho da bagunça envolvendo a UNIBAC e as associações.
As prestações de contas da União ainda não foram entregues pela “ex-presidenta”, tendo que a União cobrar a apresentação via ofício para que a mesma faça a prestação de contas. Fato que não ocorreu até o fechamento desta matéria.

Vai longe

Para completar a bagunça, Brito, que também é membro de outros conselhos de nossa cidade, fez florescer o que parecer ser uma rixa com o Promotor Público, Rosan da Rocha.
Rosan, tem pedido algumas explicações quanto á posição de Brito dentro de alguns conselhos e, até mesmo, a frente da UNIBAC.
Mesmo Rosan não tendo autonomia para intervir nas associações e União, o Promotor convidou, informalmente, diversas pessoas ligadas com as associações de bairros e com a própria UNIBAC para um “téti á téti” em seu gabinete. O assunto ainda é um mistério, mas imaginamos que a historia ainda vai longe.

 

Direito de resposta
Não temos acessos aos contatos de todos os representantes das associações e nem mesmo das pessoas citadas na reportagem.
Por isso, na vontade imensa de estarmos errados, deixamos o canal aberto para as devidas explicações sobre a situação.

Direito de resposta do Sr Elton Garcia

Um comentário em “EXCLUSIVO: O “Lado B” das Associações de Bairro em Balneário Camboriú.

Os comentários estão desativados.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com