Gerontóloga de Mato Grosso conhece a Secretaria da Pessoa Idosa após divulgação no Fórum Mundial

O sucesso das ações da Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) de Balneário Camboriú no Fórum Social Mundial da Pessoa Idosa não se limitou apenas aos dias em que o evento aconteceu, na semana passada. Durante o fórum, ao conhecer na teoria todos os projetos e oficinas ofertadas, a assistente social e gerontóloga do Mato Grosso, Isabel Silvana Magalhães se interessou pelo trabalho da SPI e decidiu conferir pessoalmente o que acontece por lá na tarde desta segunda-feira (29).

Durante a visita, Isabel ressaltou a importância de haver uma secretaria destinada somente ao apoio dos idosos, sendo que estes somam cerca de 1/4 da população da cidade. “O que mais me chamou a atenção foi o carinho e respeito que os profissionais tratam os idosos por aqui. Também acho interessante a cidade ter um espaço voltado só para idosos, com pessoas capacitadas e habilitadas para trabalhar com essa parte da população, o que é uma responsabilidade muito grande”, conta.



A gerontóloga fala também sobre a divulgação do trabalho da secretaria, que serve de inspiração para várias outras cidades, inclusive no município em que trabalha, Alta Floresta. “Com certeza vou levar algumas das ideias da SPI para lá. Nós temos um trabalho com idosos, mas lá o cuidado com idosos é junto com outros tipos de atendimentos, como o infantil, por exemplo. Queremos seguir o modelo de Balneário Camboriú e fazer algo separado para eles”, diz.

A Secretaria da Pessoa Idosa de Balneário Camboriú é referência nacional, já que trabalha com 82 oficinas dos mais diversos tipos e também conta com o “Programa Abraço ao Idoso”, que atende idosos em situação de risco, como exploração financeira, psicológica e física.

Conheça o trabalho de um gerontólogo

A gerontologia é a ciência que estuda o processo de envelhecimento nas mais diversas faces, como a social, física e emocional. A especialização nessa área está se tornando cada vez mais comum, já que o número de idosos vem aumentando com a longevidade. O profissional da gerontologia costuma a dar apoio familiar, avaliar como o idoso lida com o próprio envelhecimento e auxiliá-lo psicologicamente, seja encaminhando-o para psicólogos ou incentivando-o a fazer atividades como as oferecidas na SPI.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.