Pinguim é resgatado na praia de Taquarinhas

Um pinguim da espécie Spheniscus magellanicus, popularmente conhecido como pinguim-de-magalhães, foi resgatado com suspeita de lesões na praia de Taquarinhas, em Balneário Camboriú. O animal estava debilitado e encharcado de óleo quando foi recolhido pela Guarda Municipal e pelos membros do Programa de Monitoramento de praias da Bacia de Santos.

Após receber o primeiro atendimento veterinário no zoológico do Complexo Ambiental Cyro Gevaerd, o pinguim foi levado para unidade de estabilização de animais marinhos em Penha. De acordo com Jefferson Dick, coordenador da unidade, o animal estava ativo e respondia bem aos estímulos, apesar de apresentar sinais de estar fraco e magro.



— O animal recebeu um banho para tirar o óleo do corpo assim que chegou ao local, já que estava em uma temperatura estável. Em seguida, foi medicado e aquecido. Ele ainda está no processo de estabilização e continua recebendo medicação, mas já apresentou melhora — ressalta Jefferson Dick.

O coordenador da unidade de estabilização afirma que não é incomum a presença de pinguins na costa de Balneário Camboriú. Com as massas de ar frio e as correntes marítimas, há casos de pinguins jovens que vem do Sul e, ao se perder do grupo, chegam fracos e debilitados até a praia. É estranho, contudo, chegar encharcado de óleo.

— Ainda não sabemos de onde veio o óleo e tiramos amostras para analisar o caso. Pode ser tanto óleo combustível como óleo cru (de petróleo). Ao entrar em contato com a substância, o animal perdeu a impermeabilidade das penas. Assim, ele pode ter ficado com frio ou ter vindo descansar na costa, já que tinha dificuldades para se mexer — completa Jefferson Dick

O pinguim-de-magalhães pode ser encaminhado ainda nesta semana para a Associação R3 Animal, localizada no Rio Vermelho em Florianópolis. Ele deve permanecer na Capital realizando o período final de recuperação. Depois, os veterinários da associação devem levá-lo até algum grupo de pinguins para que possa retornar ao mar.

 

JSC

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.