PM de Itajaí rebate críticas recebidas após ação que matou dois traficantes no Bairro Fazenda.

O Tenente Eduardo Espindola, da Polícia Militar de Itajaí, emitiu uma nota na manhã desta sexta-feira (05) falando sobre as críticas que a PM recebeu de moradores do Loteamento Padre Jacó, após a ação no local que resultou na morte de dois traficantes.

O Tenente ainda divulgou um vídeo gravado por um dos fugitivos da ação, em que o mesmo impunha armas e dá ordens a outros membros da facção que atua naquele local.



Segue nota na íntegra

—-

Senhores, após análise em redes sociais, visualizamos várias mensagens criticando o trabalho de nossos policiais no dia de ontem, policiais estes que deixam sua família em casa para defender cada um de vocês, não sabendo se irão retornar ao seu conforto.

Muitas mensagens dão em conta que a polícia entrou no local só para matar, o que está totalmente equivocado. O local do confronto, Padre Jacó, é uma área muita crítica, várias foram as vezes que a polícia militar subiu e foi recebida a tiros.

Ontem a ação da polícia foi fundada em elementos concretos, fruto de uma investigação árdua, essas manifestações que estão nas redes sociais não tem fundamento.

Para ciência, o masculino que trocou tiro conosco ontem é integrante da quadrilha (FPJ – Família Padre Jacó).

Esse vídeo foi filmado no Padre Jacó por essa quadrilha, no exato ponto em que ocorreu a troca de tiro.

Desta forma, achamos interessante que esse vídeo chegue ao público externo para que ele conheça a real gravidade da situação.

Por fim, vale ressaltar, ainda, que existem relatos de corpos enterrados na área de mata, referente a desafetos mortos pela quadrilha.

Estamos aqui pra defender vocês, não importa o dia nem a hora. Contamos com o apoio de todos. JAMAIS IREMOS DESISTIR.

Tenente Eduardo Espindola
1° BPM de Itajaí

– – –

Assista o vídeo divulgado pela PM de Itajaí

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com