Prefeitura de Camboriú firma convênios com instituições

Nesta terça-feira, dia 21, o prefeito de Camboriú, Dr. Elcio Kuhnen, recebeu representantes de instituições para realizar a assinatura de convênio que firma o repasse de recursos financeiros do Fundo para a Infância e Adolescência (FIA).

Seis convênios foram firmados com instituições que atendem crianças e adolescentes – Apae, Banda Escola Musicor, Grupo Escoteiro Terra do Vale, Associação Razão de Viver, Latarte e Associação Social e Cultura de Monte Alegre.



O projeto Desafiando Limites – Inclusão e Cidadania, criado pela APAE, foi um dos aprovados para receber os recursos. A presidente da instituição, Lisete Maria Schmitt Garcia, ressaltou a importância deste repasse para dar continuidade ao trabalho. “Esse projeto é muito importante, nele são desenvolvidas ações como oficinas de atividades esportivas, música, capoeira e artes, tudo voltado para promover a inclusão social entre os alunos que estudam na Apae com as outras crianças e adolescentes que integram a sua família”, explica ela.

O prefeito destacou o trabalho realizado por estas instituições. “Estive há alguns dias em cada uma das entidades e pude verificar o carinho e dedicação de todos com as nossas crianças e jovens. Fiquei muito feliz ao perceber a qualidade do atendimento e o comprometimento de funcionários e voluntários”, disse ainda.

As instituições e os valores anuais

Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Camboriú (APAE) – R$ 160.800

Sociedade Banda Escola Musicor – R$ 66.330,00

Grupo Escoteiro Terra do Vale – R$ 30.000

Associação Beneficente Razão de Viver – R$ 122.340

Associação Comunitária Beneficente Torre Forte (Latarte) – R$ 378.765,00

Ação Social e Cultural de Monte Alegre – R$ 81.102

Repasse para Grupo de Idosos

Na ocasião, também foi firmado um convênio com o Grupo de Idosos Lúmen Novo, que faz parte da Paróquia do Divino Espírito Santo, para repasse da verba no valor de R$ 7.200. A presidente do grupo, Tânia Regina Porto Santos, conta que estes recursos são imprescindíveis para dar continuidade ao Programa, que atende de forma gratuita mais de 100 idosos da zona rural e urbana de Camboriú. “Esse dinheiro será utilizado durante o ano todo para realizar as atividades previstas no projeto, como as aulas de atividade física, esportiva e lúdicas, eventos de socialização, passeios e encontros do grupo”, explica Tânia.

ASCOM

Comente Abaixo
error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.