Preso assassino que matou homem no drive-thru do McDonalds

Patrick Boscato Vicente, 22 anos, confessou que matou o técnico de informática Cesar Augusto Izzo após uma discussão no drive thru do Mc Donalds, no dia 20 de maio, na avenida do Estado Dalmo Vieira, em Balneário Camboriú. Ele foi preso na noite de quarta-feira em uma casa na cidade São Francisco do Sul.

A divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú procurava por Patrick desde que a prisão temporária dele foi decretada pela justiça. A polícia recebeu denúncias anônimas de que Patrick teria sido visto na cidade de São Chico e montou campana no endereço indicado.



Os policiais pegaram Patrick quando ele entrava na casa. Ele foi trazido pra sede da DIC e, durante interrogatório, confessou o crime.
“Patrick levou um soco da vítima na briga e disse que não admitiria que ninguém batesse na cara dele, por isso fez os disparos. Não se mostrou arrependido”, contou o delegado Vicente de Assis Soares.

O delegado explica que das três pessoas que participaram do assassinato e tiveram a prisão decretada pela justiça, apenas Rafael de Souza continua foragido. A mulher de Patrick, Janaina Sousa Freitas, foi presa na quarta-feira da semana passada.
Janaina disse que não sabia que havia uma arma no carro. Durante a confusão, ela contou ao delegado que ficou escondida. O revólver usado no assassinato ainda não foi localizado pela polícia.
Patrick foi levado para o cadeião da Canhanduba e Janaína está presa no Matadouro. Denúncias sobre o paradeiro de Rafael podem ser repassadas pelos telefones 181 ou pelo Whatsapp (48) 98844-0011.

Confusão
Cesar Augusto foi morto na madrugada do dia 20 de maio, quando esperava na fila para comprar lanches no drive-thru do McDonald’s. As câmeras de segurança registraram o assassinato do técnico de informática.
Patrick, Rafael, Janaina e outra mulher estavam no Fiesta, placa PJA-2400 (Juazeiro–BA). Rafael começou a implicar com pessoas que passavam pelo local, inclusive com o Cesar, que estava no carro de trás.

Ele começou a xingar a vítima e fazer gestos. Cesar se irritou e saiu do carro pra discutir com o grupo.
Enquanto Rafael e Cesar discutiam, Patrick também saiu do carro e começou uma confusão. Patrick voltou pro Fiesta, pegou a arma e atirou.
Após os disparos, o grupo fugiu de carro e deixou a vítima caída no chão. César chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

 

Por: Diarinho

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.