PSL de Bolsonaro terá candidato a governador em Santa Catarina

Na foto, o candidato ao senado pelo PSL, Lucas Esmeraldino.

Na esteira do rápido e consistente crescimento do PSL, partido de Jair Bolsonaro, em Santa Catarina, os dirigentes do partido no Estado decidiram lançar candidato a governador nas eleições deste ano. A única coligação é com o PMN que traz o nome de Roberto Salum.



A convenção estadual do PSL ocorreu neste sábado em Florianópolis.

O nome escolhido para o governo é o do Comandante Moisés (Coronel Bombeiro Militar da Reserva). A composição contará também com candidata à vice-governadora Daniela Reinehr, advogada de Chapecó.

O presidente estadual da legenda e líder da estruturação da sigla no Estado, Lucas Esmeraldino, disputará o Senado junto com Roberto Salum. A Suplência do Senado ficará com o lutador de MMA e empresário, Marcelo Brigadeiro.

O presidente Lucas Esmeraldino ressalta que todo o trabalho tem como objetivo maior potencializar a campanha de Jair Bolsonaro em Santa Catarina. Ele vem conversando incessantemente com os dirigentes municipais, ouvindo as bases, que defendem veementemente a chapa pura como um grande projeto de mudança para Santa Catarina.

Jair Bolsonaro do PSL lidera todas as pesquisas de intenção de votos no Estado.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.