Taxista é morto a facadas. Assassino de 16 anos é preso.

Um taxista de 42 anos foi morto com uma facada no peito e três nas costas na madrugada desta quinta-feira (1º) em São Bento do Sul, no Norte catarinense. A Polícia Civil suspeito que caso seja de latrocínio (roubo seguido de morte).

O táxi em que a vítima trabalhava foi achado em um barranco depois de ter batido em um poste e o corpo de Gilberto Sauer de Barros, de 42 anos, foi encontrado em frente a uma casa no bairro Brasília.



Segundo o Instituto Geral de Perícias (IGP), Gilberto era natural de Rio Negro (PR).

Gilberto saiu do carro para pedir ajuda e carro caiu em um barranco — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Gilberto saiu do carro para pedir ajuda e carro caiu em um barranco — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Criminoso tem 16 anos

O adolescente de 16 anos foi apreendido na tarde desta quinta-feira (1º) em Corupá, Norte do estado, suspeito de ter matado a facadas o taxista. De acordo com a Polícia Civil, o assassino confessou o crime e afirmou que foi em legítima defesa.

O menor de idade foi encontrado na casa da mãe. Segundo o delegado Gustavo Muniz, o adolescente mora em São Bento do Sul com um amigo. Depois do assassinato, ele fugiu para Corupá.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.