Vacinação da febre amarela será estendida para todo o estado de SC

A vacinação contra a febre amarela será estendida a todo o estado catarinense, informou na tarde desta quarta-feira (26) a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive). A imunização será feita de forma gradual por área até fevereiro de 2019 (confira calendário abaixo). Podem se vacinar moradores de Santa Catarina com idades entre 9 meses e 59 anos.

A Dive informou que questionou o Ministério da Saúde para que a vacina seja disponibilizada para pessoas com mais de 59 anos, mas que não obteve retorno até a noite desta quarta.



Também disse que as pessoas com mais de 59 anos podem ser vacinadas, desde que nunca tenham sido imunizadas e sejam avaliadas pelo serviço de saúde para identificar se elas possuem contraindicações.

Confira abaixo o cronograma de vacinação por cidade:

  • Setembro de 2018: Joinville, Araquari, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Garuva, Itapoá, São Francisco do Sul, São João do Itaperiú
  • Outubro de 2018: Jaraguá do Sul, Corupá, Guaramirim, Massaranduba, Schroeder, Blumenau, Timbó, Indaial, Pomerode, Rio dos Cedros
  • Novembro de 2018: Apiúna, Botuverá, Brusque, Gaspar, Gabiruba, Ascurra, Doutor Pedrinho, Rodeio, Benedito Novo, Agrolândia, Agronômica, Atalanta, Aurora, Braço do Trombudo, Chapadão do Lageado, Dona Emma, Ibirama, Imbuia, Ituporanga, José Boiteux, Laurentino, Lontras, Mirim Doce, Petrolândia, Pouso Redondo, Presidente Getúlio, Presidente Nereu, Rio do Campo, Rio do Oeste, Rio do Sul, Salete, Santa Terezinha, Taió, Trombudo Central, Vidal Ramos, Vitor Meireles, Witmarsum, Balneário Piçarras, Ilhota, Luiz Alves, Penha
  • Dezembro de 2018: Itajaí, Balneário Camboriú, Bombinhas, Camboriú, Itapema, Navegantes, Porto Belo, Angelina, Antônio Carlos, Biguaçu, Canelinha, Leoberto Leal, Major Gercino, Nova Trento, São João Batista, Tijucas
  • Janeiro de 2019: Águas Mornas, Alfredo Wagner, Anitápolis, Florianópolis, Governador Celso Ramos, Palhoça, Rancho Queimado, Santo Amaro da Imperatriz, São Bonifácio, São José, São Pedro de Alcântara
  • Fevereiro de 2019: Araranguá, Balneário Arroio do Silva, Balneário Gaivota, Ermo, Jacinto Machado, Maracajá, Meleiro, Morro Grande, Passo de Torres, Praia Grande, Santa Rosa do Sul, São João do Sul, Sombrio, Timbé do Sul, Turvo, Capivari de Baixo, Gravatal, Jaguaruna, Pedras Grandes, Sangão, Treze de Maio, Tubarão, Garopaba, Imaruí, Imbituba, Laguna, Paulo Lopes, Pescaria Brava, Armazém, Braço do Norte, Grão Pará, Rio Fortuna, Santa Rosa de Lima, São Ludgero, São Martinho, Balneário Rincão, Cocal do Sul, Criciúma, Forquilhinha, Içara, Lauro Muller, Morro da Fumaça, Nova Veneza, Orleans, Siderópolis, Treviso, Urussanga

Para receber a vacina, o morador deve procurar uma unidade de saúde e levar a carteira de vacinação. A previsão é que 3.357.780 pessoas sejam imunizadas.

A medida foi recomendada pelo Ministério da Saúde. Antes, 162 municípios catarinenses já integravam a Área de Recomendação de Vacinação contra febre amarela.

O estado teve um caso confirmado da doença este ano: de uma moradora de Gaspar, no Vale do Itajaí. Ela morreu em janeiro e pegou febre amarela em São Paulo.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.