Viva Praça agitou Praça das Figueiras com roda de violeiros

A Praça das Figueiras foi ocupada com arte e cultura na tarde desse sábado, dia 10, em mais uma edição do Viva Praça e Feira Cultural. O evento contou com rodas de violeiros, que tocaram canções caipiras e sertanejas para a comunidade presente, além de apresentação de teatro e exposição e venda de artesanatos. Ao todo, foram 15 apresentações programadas, mas o microfone também foi aberto para moradores que quiseram declamar poesias ou cantar ao som das violas.



“Foi um momento de integração e cultura, tivemos um retorno muito positivo de todos que acompanharam. Ficamos muito satisfeitos ao ver moradores cantando e aproveitando a tarde em família na Praça que é o cartão postal da nossa cidade”, avalia a presidente da Fundação Cultural de Camboriú, Judite da Silva Piza.

Uma das apresentações que mais chamou a atenção do público foi a da dupla Edwaz e Fogaça, de 11 e 13 anos, respectivamente. Os pequenos moram no bairro Ingleses, em Florianópolis, e vieram a convite da Prefeitura de Camboriú especialmente para o evento. “Foi uma festa muito legal e nós esperamos vir mais vezes para alegrar o pessoal e também mostrar o nosso trabalho”, comentou Fogaça.

Mesmo com a pouca idade, os dois já tocam profissionalmente há três anos e aproveitaram a visita para vender seu primeiro álbum sertanejo, intitulado “Na trilha do Futuro”, para a comunidade na Praça das Figueiras, além de distribuir autógrafos e tirar fotos.

A Feira Cultural, com exposição e venda de artesanatos, é realizada na segunda sexta-feira e no segundo sábado do mês – contando com o agito do Viva Praça no sábado. O evento é promovido pela Prefeitura por meio da Fundação Cultural e tem como objetivo valorizar os artistas locais e da região, além de proporcionar opções de consumo cultural e lazer para a comunidade de Camboriú.

error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.