43% da população adulta de BC já tomou a primeira dose da vacina contra COVID

Foto: Cristiano Estrela / Secom

Balneário Camboriú já vacinou com a primeira dose, 48882 pessoas. Destas, 19589 tomaram também a segunda dose. O número de primeiras doses aplicadas corresponde a mais de 43% da população adulta de Balneário Camboriú (aprox. 113 mil).

Devido ao tempo de espera de 90 dias para a segunda dose de vacinas como Astrazeneca e Pfizer, alguns grupos demoram mais para ter imunização total. É necessário ficar atento a data da segunda dose da vacina.

Das 48.882 pessoas vacinadas com a primeira dose, 7.565 são profissionais da saúde, 28.404 são pessoas com 54 anos ou mais, 760 são profissionais das Forças de Segurança, Salvamento e Armadas, 3.107 são profissionais da educação e 9.046 pessoas com comorbidades.

Nesta quinta-feira (17), Balneário Camboriú vacinou 79 pessoas com a primeira dose contra a Covid-19.

O telefone (47) 3267-7049 está disponível para tirar dúvidas.

Vacinação

Nesta sexta-feira (17), a imunização ocorre, das 8h às 17h, na Unidade Básica de Saúde Central. Nas demais unidades de saúde ocorre das 8h às 12h e das 13h30 às 17h.

Quem pode tomar a vacina?

Pessoas sem comorbidades e profissionais da saúde

Atualmente, a vacinação ocorre em pessoas com 54 anos ou mais. Estes precisam apresentar documento oficial com foto e comprovante de residência para se vacinar.

Continua também em profissionais de saúde com mais de 18 anos. Estes também precisam levar comprovante de vínculo empregatício.

Grupos prioritários

Podem se vacinar pessoas de 18 anos ou mais que tenham comorbidades e pessoas com deficiência sem cadastro no Benefício de Prestação Continuada (BPC).

A vacina também será aplicada em pessoas acima de 18 anos com síndrome de Down, transplantados, portadores de fibrose cística e pessoas com deficiência permanente cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC). Pacientes renais crônicos em hemodiálise serão vacinados na Pró-Rim. Gestantes e puérperas com comorbidades, com idade acima de 18, devem se imunizar na unidade de saúde do Centro para receber a vacina da CoronaVac ou Pfizer, conforme preconiza o Ministério da Saúde.

É necessário apresentar atestado médico original e cópia, assinado e com CID, válido por um ano, comprovando a comorbidade. Além de documento oficial com foto e comprovante de residência.

Profissionais da área da educação

A imunização está sendo feita em professores e auxiliares que atuam em Educação Especial e em Educação Infantil, Fundamental, Médio, Superior, além de profissionais da educação que atuam de forma presencial e remota. Também ocorre em profissionais da equipe técnica, administrativa e pedagógica que atuam na execução do Plano de Contingência para a Educação (PlanConEdu) e em profissionais da educação que atuam nas atividades de limpeza, alimentação, serviços gerais e similares. É necessário apresentar documento oficial com foto e declaração comprobatória assinada pelo gestor da unidade escolar.

Efetivos das forças de segurança

Os efetivos e estagiários da Secretaria de Segurança Pública, da Polícia Militar, da Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros Militar e Voluntários, do Instituto Geral de Perícias, da Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa, da Defesa Civil, da Polícia Rodoviária Federal e Estadual, das Forças Armadas do Exército, da Marinha e da Aeronáutica e os(as) Guardas Municipais também estão recebendo a vacina. Para isso, é preciso apresentar documento oficial com foto, comprovante de residência e comprovante de vínculo empregatício ou documento comprobatório assinado pela chefia da corporação.