Advogado de Lunelli pede “inexistência” da inscrição de Udo

Representando Antídio Lunelli, o advogado Gustavo Pacher encaminhou ontem ao presidente em exercício do MDB, Edinho Bez, ofício requerendo “a declaração de inexistência, e/ou irregularidade, da inscrição do sr. Udo Döhler” como candidato a vice-governador por descumprimento dos termos do edital de convocação da convenção.

Alegando uma série de aspectos legais, processuais, formais e regimentais, o advogado solicita ao final do documento a proclamação de Lunelli como candidato ao governo pelo MDB, até pela condição de único inscrito.

Agora caberá a Edinho Bez se manifestar como presidente ou chamar a Executiva ou mesmo o diretório a se posicionar, com a convenção já aberta. Apesar de especialistas identificarem amparo jurídico na reivindicação, a decisão tem tudo para ser política. E o pedido tem grandes chances de ser denegado.

Prisco Paraiso

impugnação-inscrição-UDO-DOHLER
Publicidade