Ator Nelson Xavier morre aos 75 anos

O ator Nelson Xavier morreu na madrugada desta quarta-feira, em Uberlândia (MG). O ator tinha 75 anos e lutava contra um câncer. O corpo será levado ao Rio de Janeiro, onde deve ser cremado nesta quinta.

Nelson Xavier atuava há cerca de cinco décadas, sendo conhecido por inúmeros trabalhos na TV, no cinema e no teatro. Em 2010, ganhou notoriedade ao protagonizar a cinebiografia sobre Chico Xavier.

No Festival de Gramado de 2014, Nelson Xavier recebeu o  prêmio de melhor ator pelo filme “A Despedida” Foto: Cleiton Thiele / PressPhoto,Divulgação

O ator nasceu em São Paulo, em 1941. Participante do Teatro de Arena e do Movimento de Cultura Popular de Recife, Xavier começou a se destacar nos anos 1960, no Rio de Janeiro, em encenações dos textos de Plínio Marcos.

Nos anos 1970, dedicou-se com intensidade ao cinema. Atuou em filmes como Os Deuses e os Mortos (1970), de Ruy Guerra; A Culpa (1972), de Domingos de Oliveira; Dona Flor e seus Dois Maridos (1976), de Bruno Barreto; e A Queda (1978), também de Ruy Guerra.

Nas décadas seguintes também teve trabalhos marcantes em filmes como O Mágico e o Delegado (1983) e O Testamento do Sr. Nepomuceno (1994). Chico Xavier – O Filme, no qual Nelson foi protagonista, tornou-se um fenômeno popular.

Entre as novelas, Nelson Xavier esteve em Sangue e Areia (1967), de Janete Clair; Pedra sobre Pedra (1992), de Aguinaldo Silva; e Renascer (1993), de Benedito Ruy Barbosa.

Além disso, ficaram notórias suas participações nas minissérie Lampião e Maria Bonita (1982) e Tenda dos Milagres (1985), dirigidas por Paulo Afonso Grisolli; O Pagador de Promessas (1988), dirigida por Tizuka Yamasaki, com autoria de Dias Gomes.

Nelson Xavier interpretou Chico Xavier nos filmes “Chico Xavier” (2010) e  “As Mães de Chico Xavier” (2011) Foto: Downtown Filmes / Divulgação

 

Nelson Xavier foi entrevistado no Jornal do Almoço, em 2010, para divulgar o filme “Chico Xavier” Foto: Vinícius Roratto / Especial
Publicidade