Atual comando do Sindisol tenta boicotar eleição de nova diretoria

A eleição do Sindisol – Sindicato dos Hotéis Restaurantes Bares e Similares de Balneário Camboriú, que esta ocorrendo nesta quarta-feira (06), está sofrendo uma tentativa de boicote da própria atual diretoria do Sindicato.

A atual diretoria não abriu as portas do sindicato para que fosse colocada a urna de votação, o que gerou uma insatisfação por parte dos associados e da chapa que concorre a eleição da nova diretoria. A votação está tendo que acontecer pelo lado de fora do sindicato, no corredor da galeria comercial do edifício Concorde.

A atual diretoria do sindicato, que esta a frente da entidade há muitos anos, parece não querer largar o osso assim fácil. São recorrentes as confusões envolvendo o processo eletivo das diretorias.

Faz dois anos que venceu o mandato da atual diretória do Sindisol, não foi realizada uma nova eleição e, com essa situação, filiados ao sindicato acionaram a justiça que decidiu pela eleição, que deveria acontecer no dia de hoje.

Confusões

Em outubro, a PM precisou ser chamada pois o grupo que domina há anos o Sindicato estava registrando chapa à eleição de entidade de maneira fraudulenta. O registro estava ocorrendo após o limite das 18h estabelecido em edital e a documentação estava incompleta.

Em 2017 a justiça chegou a suspender a eleição no Sindsol por falta de publicidade. O fato se repete neste ano, no portal da entidade não há informação em destaque sobre o processo eleitoral.

 

Comente Abaixo