Avião militar russo cai no mar Negro com 92 pessoas a bordo

Uma aeronave militar russa caiu na madrugada deste domingo no mar Negro, após decolar do balneário de Sochi. Segundo informações confirmadas pelo Ministério da Defesa da Rússia, 92 pessoas estavam a bordo. Ainda não há confirmação de sobreviventes.

De acordo com a imprensa local, a aeronave decolou às 5h20min (0h20min no horário de Brasília), e sumiu dos radares 20 minutos. Ao todo, eram 84 passageiros e oito tripulantes. Nove jornalistas também estavam no voo.

— Fragmentos do avião Tu-154 do Ministério da Defesa da Rússia foram encontrados a 1,5 km do litoral da cidade de Sochi, a cerca de 50-70 metros de profundidade — afirmou o ministério de Defensa.

De acordo com o ministério, a viagem era de rotina. Viajavam militares e integrantes do coral e grupo de dança Alexandrov Ensemble, do exército russo, que iam participar das festividades de Ano Novo na base aérea síria de Khmeimim, onde a Rússia tem um agrupamento.

Integrantes do grupo Alexandrov Ensemble, do exército russo, durante apresentação em Paris no ano de 2015
Foto: JACQUES DEMARTHON / AFP

Até o momento, um corpo foi encontrado pelos socorristas. A confirmação também foi feita pelo Ministério da Defesa russo.

— O corpo de uma pessoa morta no acidente do Tu-154 do Ministério da Defesa russo foi encontrado a seis quilômetros da costa de Sochi — declarou o porta-voz Igor Konashenkov — O corpo está em deslocamento em um navio de resgate — acrescentou a fonte.

O avião é um Tupolev-154, utilizado com frequência no transporte aéreo na Rússia. Fontes dos serviços de emergência indicaram que o Tu-154 havia decolado de Moscou e tinha feito escala em Sochi para reabastecer.

O presidente russo, Vladimir Putin, já está ciente foi informado imediatamente do fato.

*ZERO HORA e AGÊNCIAS

Comente Abaixo