Bandidos levam R$ 30 mil em assalto a banco em Itajaí

Três assaltantes invadiram uma agência da cooperativa Viacredi, no bairro Itaipava, em Itajaí, renderam os funcionários e fugiram levando pelo menos R$ 30 mil em dinheiro. O crime aconteceu perto das 10 horas desta quarta-feira.

Segundo a Polícia Militar, os criminosos usavam roupas escuras, toucas balaclavas e estavam armados com pistolas e armas longas. Eles usaram uma marreta para estourar o vidro lateral da porta giratória e invadiram a cooperativa.

O vigilante e os outros funcionários do caixa foram rendidos pelos assaltantes. Apontando as armas para as vítimas, eles exigiam que o cofre fosse aberto. No entanto, como o sistema de segurança do equipamento demora alguns minutos para abrir, o trio desistiu de esperar e fugiu levando R$ 30 mil dos caixas, além do revólver 38 do vigilante e um colete à prova de balas.

O piloto de fuga do grupo estava em frente à agência em um Gol branco. O bando fugiu em alta velocidade, parou a quatro quadras de distância da cooperativa e abandonou o carro.

Mostrando que o crime foi todo planejado, eles usaram pó de extintor de incêndio para apagar as impressões digitais e fugiram em um Voyage branco que estava à espera.

O assalto será investigado pela Polícia Civil. Esse é o segundo roubo a cooperativas de crédito de Itajaí em menos de um ano e com modo de agir bastante semelhante. A polícia trabalha com a possibilidade de o crime ter sido praticado pelo mesmo bando.

 Assalto no São Vicente

No dia 27 de outubro do ano passado, um trio usando colete à prova de balas e touca invadiu a agência da Sicredi, na rua Estefano José Vanoli, no bairro São Vicente, também por volta das 10h da manhã.

O trio usou uma marreta e deu chutes para arrombar a porta da agência e acessar o interior da cooperativa. Os bandidos ficaram apenas três minutos dentro da agência e roubaram R$ 190 mil em dinheiro dos caixas eletrônicos. Eles fugiram em um Renault Megane, prata, que estava estacionado perto da cooperativa. Os assaltantes abandonaram o carro na rua Marcelino Ramos, nas margens do rio Itajaí-mirim e fugiram a pé.

No dia 20 de janeiro deste ano, uma operação da Polícia Civil cumpriu quatro ordens judiciais em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul contra os suspeitos de roubar a agência. Em Itajaí, foi cumprida uma ordem de busca e apreensão na casa de um morador do bairro Fazenda. O suspeito não estava em casa e é considerado foragido.

No município de Osório, Rio Grande do Sul, foi cumprido um mandado de busca e apreensão e de prisão temporária. O investigado foi encaminhado ao sistema penitenciário catarinense.

Por Diarinho

Publicidade