Câmara aprova, em primeira votação, projeto que reduz ITBI em BC

A Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú aprovou, na sessão ordinária desta terça-feira (22), o Projeto de Lei Complementar 15/2019, do Poder Executivo, que reduz as alíquotas do Imposto Sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) e propõe outras modificações na Lei 859/1989 (que institui o ITBI).

Além do projeto, foi aprovada a Emenda 03, do próprio Executivo, que propõe alíquotas de 2% a 2,5% com vigência a partir de janeiro de 2020, e de 1,5% a 2,5% para os pedidos protocolados até o dia 31 de dezembro de 2019 (a alíquota atual é de 3%). A emenda teve um destaque aprovado, proposto pelo líder do governo, vereador Gelson Rodrigues (PSB), que suprime o Art. 1º da emenda.

Emenda 01, do vereador Arlindo Cruz, foi retirada de pauta porque teve parecer contrário da Comissão de Justiça e Redação do Legislativo. As emendas 04, do vereador Nilson Probst (MDB), 05, do vereador Aldemar Pereira/Bola (PSDB), e 06, do vereador Leonardo Piruka (PP), foram retiradas de pauta a pedido dos autores.

O projeto continua em tramitação no Legislativo para deliberação da redação final.

Regulamentação do uso de contêineres

O plenário aprovou também o Projeto de Lei Ordinária 11/2019, de autoria do vereador licenciado Marcos Kurtz, que altera dispositivo da Lei Municipal nº 3930/2016, a qual regulamenta a utilização de contêineres para fins comerciais ou residenciais, bem como a Emenda 01, do vereador Lucas Gotardo (PSB).

Com a emenda aprovada, fica permitida, após a aprovação da Secretaria de Planejamento Urbano, a utilização de contêineres para fins residenciais ou comerciais no município, não sendo mais necessária a aprovação também do Conselho da Cidade.

O projeto continua em tramitação no Legislativo para deliberação da redação final.

Confira as deliberações das demais proposições constantes na pauta da sessão no quadro abaixo.

Leia o relatório das votações clicando aqui, e a relação das moções de congratulações aprovadas e das moções de pesar e indicações encaminhadas na sessão, aqui.

Comente Abaixo