Chapecó tem 2244 casos e o oeste é o verdadeiro epicentro da pandemia em SC

Os números divulgados pelo governo do Estado continuam trazendo confusão aos catarinenses.

De acordo com o último boletim divulgado pelo estado, a cidade com o maior de contaminados é Itajaí, com 210 mil habitantes e 1318 casos. O número diferente do que divulga a própria prefeitura de Itajaí, sendo 1347. Estado e diversos veículos de comunicação apontaram Itajaí como epicentro da pandemia.

O que mais chama atenção, são os dados referentes a cidade de Chapecó, com 220 mil habitantes, que o estado divulgou como tendo 1229 casos totais. A prefeitura de Chapecó divulgou no boletim deste domingo (21), um número muito superior, sendo 2244 casos totais confirmados, 83% a mais do que o informado pelo estado. O município tem 1080 pacientes recuperados.

Um dos maiores números do estado está na cidade de Concórdia, com 1196 casos totais e com um altíssima taxa de recuperação, com 1090 recuperados.

Até mesmo a capital do estado, os números diferem do divulgado pelo estado. De acordo com a prefeitura de Florianópolis, a cidade soma 1303 casos totais, enquanto o estado divulgou 1108.

Macro Região

De acordo com o boletim do estado, a Macro Região do Grande Oeste, tem 3194 casos. Levando em consideração que só em Chapecó, existe uma diferença de 1015 casos, a região oeste teria mais de 4200 casos, sendo o verdadeiro epicentro da pandemia em Santa Catarina.

Em resumo, os números fornecidos pelo estado continuam desinformando a população, sem saberem a verdadeira situação da pandemia em Santa Catarina.

Comente Abaixo