Coleta de recicláveis em Balneário Camboriú cresceu 16,4% em abril

A quantidade de resíduos recicláveis coletados em Balneário Camboriú no mês de abril deste ano foi 16,4% maior do que em igual período do ano passado.
O volume crescente é resultado da consciência dos moradores e do enorme esforço que a Prefeitura Municipal de Balneário Camboriú, através da concessionária Ambiental Limpeza Urbana e Saneamento Ltda., está desenvolvendo para aumentar a quantidade de recicláveis coletados na cidade.

Balneário Camboriú poderia coletar dois milhões de quilos de recicláveis por mês, mas o recorde até hoje, em janeiro deste ano, foi “apenas” 190 mil quilos. No ano passado a coleta de recicláveis era realizada por duas equipes, agora já são seis e até o final deste ano serão oito.
Esse material é entregue a cooperativas de reciclagem, um trabalho social desenvolvido há duas décadas e que ganhará impulso com a nova usina que será construída na Várzea do Ranchinho até o ano que vem.



No início deste ano equipes do projeto ReciclaBC cadastraram in loco 1.700 edifícios e 962 estabelecimentos comerciais, os chamados grandes geradores.
Agora estão acontecendo as visitas de sensibilização na tentativa de mostrar às pessoas a importância da reciclagem e torná-las aliadas nesta luta que é de todos para preservar o meio ambiente.
Durante as visitas os monitores constataram que a esmagadora maioria das pessoas reconhece a necessidade de reciclar, mas muitos não o fazem por um motivo ou outro, muitas vezes a falta de informação.

Por decisão dos técnicos da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Balneário Camboriú adotou a separação dos resíduos em dois recipientes, um para os recicláveis e outro para o lixo comum. É o mesmo modelo adotado em São Paulo.
Os caminhões passam em todas as casas ao menos uma vez por semana. O calendário de coletas está disponível em www.reciclabc.com.br onde também há diversas informações sobre como reciclar.

O ReciclaBC atende também via WhatsApp pelo número (47) 99647.9495.

COMO RECICLAR
Separe os resíduos em dois tipos: lixo comum e reciclável.
No dia da coleta o reciclável deve ser colocado na calçada ou na lixeira da casa ou prédio.

MATERIAIS

PODE PAPÉIS: de quase todos os tipos.
NÃO PODE PAPÉIS: Celofane, parafinado, plastificado, carbono, fax, fotos, toalha, guardanapo, fraldas e higiênicos

PODE METAIS: como latas, ferragens, arames, chapas, canos, pregos, parafusos, cobre e alumínio.
NÃO PODE METAIS: Grampos, clipes, esponjas de aço, latas de tinta e outros produtos tóxicos

PODE PLÁSTICOS: de quase todos os tipos.
NÃO PODE PLÁSTICOS: Cabos de panelas, adesivos e acrílico.

PODE VIDROS: de quase todos os tipos. Separe as tampas.
NÃO PODE VIDROS: Espelhos, temperados, refratários, porcelana, cristais, lâmpadas, ampolas de remédios etc.

NUNCA COLOQUE NO LIXO
Lâmpadas fluorescentes, cartuchos de impressoras, pilhas, baterias e aparelhos eletrônicos. Eles devem ser entregues onde foram comprados, pois fazem parte da logística reversa – Lei 12.305/2010.

WhatsApp do ReciclaBC 99647 9495

Comente Abaixo
error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.