Desfile de 7 de Setembro em Camboriú reuniu mais 70 entidades

Mesmo a chuva que caiu no começo da manhã não atrapalhou o público que veio prestigiar o desfile cívico de 7 de Setembro de Camboriú. Cerca de 2.300 pessoas, participaram em mais de 30 pelotões – totalizando 70 entidades. O prefeito Elcio Rogério Kuhnen, o vice-prefeito, Ramon Jacob e o presidente da Câmara de Vereadores José Simas abriram o desfile. Eles carregavam as bandeiras do Brasil, Estado e Município. Logo atrás vinham os vereadores e os Secretário Municipais.

Assim que as autoridades chegaram próximo ao palanque foram executados os Hinos Nacional e da Independência. “É um momento valoroso para nós brasileiros. Eu sou patriota e defendo o resgate do civismo e da história do país. Estou muito feliz, como prefeito, de participar do desfile e ver tantas pessoas e entidades engajadas num momento como esse”, destaca o prefeito.

A Fanfarra Municipal abrilhantou o evento. Eles permaneceram na avenida durante todo o ato, tocando num recuo ao lado do palanque montado na rua Cel. Benjamim Vieira, defronte a Igreja Matriz Divino Espírito Santo. Em seguida desfilaram as entidades públicas de segurança, Polícia Militar, Bombeiros e os programas como Proerd, Estudante Cidadão e Adad.

A Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social trouxe os grupos da 3ª Idade e os projetos da Secretaria. Martinha Cardoso, 71 anos e Carmem Stuller, 74 anos, fazem parte do grupo Raio de Sol há 10 anos e fizeram questão de participar do desfile. “Temos orgulho em sermos brasileiros, mas principalmente de exercermos este ato de cidadania”, ressaltaram.

Em seguida desfilou o Grupo Latarte, a Apae e a Fanfarra Alegria de Viver e Associação de Pais e Amigos dos Autistas (AMA), seguida dos Centros de Educação Infantil. A banda Musicor também participou do desfile e as escolas particulares vieram na sequência: Visão; Anglo, com sua fanfarra e Recriarte.

Depois foi a vez das associações entrarem na avenida como Kaiorra, Associação Kadiz, Guri Bom de Bola, Escoteiros Monte Alegre e Terra do Vale. As igrejas também  desfilaram. A Casa da Música fez uma bela apresentação durante todo trajeto e em frente ao palco.

A Prefeitura de Camboriú trouxe para o desfile a frota municipal renovada. São mais de 30 veículos, entre carros, caminhões, ambulâncias, ônibus, tratores, motos e máquinas adquiridas a partir de 2017. Em seguida, representantes de todas as Secretarias entraram na avenida.

Para encerrar o grande momento cívico desfilou o Jeep Clube de Camboriú e os peões, prendas, grupos de dança e cavaleiros do Acampamento Farroupilha de Camboriú. Eles representam a cultura e tradição gaúcha. Vieram acompanhados dos servidores da Fundação Cultural, que ajudam na realização da festa.

O público prestigiou o evento. Monique Zanola Dias de Oliveira, 24, foi assistir sua filha Eloisa, 4 anos, desfilar pelo CEI Professora Alcimar de Souza Vieira. “Gosto muito de desfiles cívicos, e acho muito bom ver minha filha desde pequena participando”, salientou.

Jocelane Jacob, 54 anos, camboriuense e participa de desfiles cívicos desde sua infância. “Somos brasileiros, temos que prestigiar , não porque está garoando que eu deixaria de vir”, brincou.

Comente Abaixo