Dono de construtora de BC é executado em São Paulo

O construtor Mario Felipe Nieri Pinto, 39 anos, foi executado a tiros na manhã de sábado, na avenida Sumaré, no bairro Perdizes, zona oeste de São Paulo.

A vítima tinha estacionado o carro e entrado em uma loja de vistoria, quando foi surpreendida pelos criminosos que queriam um relógio de luxo que o empresário usava. Ele teria reagido.

A polícia e o corpo de bombeiros foram chamados pela dona da loja. No entanto, Mario já estava sem vida.

A Polícia Civil investiga se houve um latrocínio – roubo seguido de morte. Imagens de câmeras de monitoramento registraram os dois suspeitos do crime.

Mário era sócio da empresa Nieri Empreendimentos, de Balneário. Ele deixa a esposa e dois filhos pequenos que são  gêmeos. O local do velório e o do sepultamento ainda não foram informados pela família.

Denunciado por obra não entregue 

Em 2017, Mario e a construtora Nieri foram denunciados por compradores. A empresa foi acusada de golpe por não entregar um prédio na rua 2070, no centro de BC. A construção deveria ter sido entregue em 2015, mas na época da denúncia a obra estava há dois anos parada. Há processos correndo na justiça contra o empresário.
Fonte: Diarinho
Publicidade