Educação em BC: Alunos sem uniforme, papelarias sem pagamento e a demolição do CIEP

Embora a sede administrativa da Secretaria de Educação de Balneário Camboriú tenha gente saindo pelo ladrão e falte função para tantos “alocados” no local, parece que andam batendo cabeça e não tem condições para resolver o básico.

Chegou ao meu conhecimento duas denúncias sérias sobre a educação de Balneário Camboriú.

UNIFORMES

As aulas voltaram no município há mais de um mês e, pasmem, até agora os alunos das escolas não receberam os uniformes escolares. Estamos quase entrando no outono e nem mesmo os de verão foram entregues. Quem está usando, está com o do ano passado.

A licitação de registro de preço dos uniformes rolou em outubro do ano passado e teve sua homologação publicada em dezembro. Até agora, nada da empresa entregar os uniformes. O pior é que a educação também não dá um pio sobre o assunto, fazendo apenas cara de paisagem.

PAPELARIAS

Outra informação que chegou a mim é que as papelarias credenciadas para vender o material escolar estão sem receber da empresa licitada para fornecer os cartões. A empresa entregou os cartões, disponibilizou o crédito, tudo certinho. Mas agora que as papelarias querem receber, a empresa não está pagando.

EM REUNIÃO

Procurei a assessoria da prefeitura questionando as duas situações, mas fui informado que a secretária estava em reunião e só poderia responder mais tarde. Ela deve estar muito ocupada mesmo, afinal, em horário de trabalho ela fica disparando propaganda de palestra do patrão em uma igreja da cidade.

DEMOLIÇÃO DO CIEP

A vereadora Juliana Pavan foi informada pela secretária de educação que o CIEP será demolido até o final do mês. O local foi desocupado após uma decisão judicial de um processo movido pelo Ministério Público, por causa da estrutura feita de amianto, proibida no estado há alguns anos. Acontece que agora o MP quer saber para onde vai os entulhos de amianto após a demolição.

Ai vem o questionamento: Para dar um fim apropriado para os materiais, a demolição deverá ser feita por empresa especializada, correto? Para contratar uma empresa, terá que fazer uma licitação. E essa licitação não vai acontecer em 15 dias. Como que vão demolir o CIEP até o final do mês?

E outra, a unidade foi desocupada em julho do ano passado. E a Escola do Amanhã? Como está o projeto?

Vão demolir o CIEP, deixar um terreno baldio e nada da escola nova?

As perguntas são muitas, mas a responsável pela pasta anda ocupada.


Educação em BC: Alunos sem uniforme, papelarias sem pagamento e a demolição do CIEP
Poucas e Boas – Por Gian Del Sent

Publicidade