Em áudio, Candidato de Camboriú denuncia rachadinha. “Tu só ganha o nome”

Em um áudio vazado nas redes sociais, o candidato a vereador pelo Republicanos, Lucas Aparecido Moraes Rodrigues, o Lukinhas Morares, falou sobre uma “rachadinha” que acontecia em seu cargo na Secretaria de Saúde do Município. Lucas exercia a função de Coordenador na Unidade de Saúde do CAIC no Monte Alegre e saiu para concorrer a vereador.

No áudio, em que ele conversa com uma pessoa ainda não identificada, entre outros assuntos de sua preferência política, Lucas afirma que desde que assumiu o cargo comissionado, teria que repassar todo seu salário para Alexandre Adamy, que teria o indicado para o cargo. Alexandre Adamy também é candidato a vereador pelo Republicanos.

“Eles te colocam no cargo. Tá com cargo, te vira. Tu só ganha o nome” disse o candidato. No áudio a pessoa pergunta sobre uma historia de ter que repassar o salário para Alexandre Adamy e desde quando isso acontecia. Lucas responde “Desde quando ele me deu o cargo”. A pessoa pergunta se ele contou isso para o seu irmão, Lucas responde:  “Não, não. Deus o livre. Se falar me manda embora.” e completa “Tu sabe que o Rodrigo vai falar um monte de m****. Já tá falando de eu ter pegado o cargo”.

Confira o áudio:

Procurado pela reportagem, Lucas nega as acusações e diz que os áudios contidos no vídeo publicado em uma página do Facebook, foi uma montagem e que as falas foram colocadas fora do contexto.

“Nunca houve qualquer repasse de dinheiro, o áudio que foi lançado pelo portal Saco cheio Camboriú foi partes da gravação de uma conversa entre mim e a Candidata Rutneia, a qual hoje faz oposição a executiva do meu partido. Oportunamente foram feitas edições de uma conversa que foi tirada do contexto, e que na íntegra não tem nada a ver com o que foi divulgado.”
Eu já tomei todas as medidas cabíveis junto ao advogado, as pessoas responsáveis em disseminar fake news serão responsabilizadas.
Estou a disposição, para os devidos esclarecimentos.”