Em meio a crise, Águas de Camboriú pede que clientes paguem suas faturas

Com faturamento bruto anual de aproximadamente 25 milhões de reais só em Camboriú, a AEGEA, empresa responsável pela concessionária Águas de Camboriú, está pedindo que clientes paguem suas faturas.

Um release enviado para a imprensa na manhã desta quarta-feira, dia 1°, a empresa destaca que esta comprometida com o abastecimento, mas precisa que os clientes paguem suas faturas. No texto, a empresa ainda disponibiliza outros meios paga o pagamento.

O mesmo release, mudando apenas o nome da concessionária, foi enviado também para as cidades de Penha e Bombinhas, onde a empresa opera.

A mesma informação consta na página da empresa no Facebook

Desde o início da pandemia, a empresa não anunciou nenhum tipo de ajuda a seus consumidores. Não adotou prorrogação de vencimentos ou sequer descontos nas faturas em meio a crise. Neste tempo, suspendeu o atendimento presencial e aumentou os canais de atendimentos, mas nenhuma “ajuda” para a população foi adotada.

Com a reabertura dos bancos na segunda, a empresa preferiu pedir que os clientes paguem suas faturas para “garantir a continuidade do serviço”.

Segue texto enviado pela assessoria da AEGEA, para os consumidores da Águas de Camboriú. 

Pagamento da fatura é essencial para manter o abastecimento de água em Camboriú

Concessionária está comprometida em garantir água tratada para toda a população neste período crítico, mas é preciso que os clientes paguem a fatura para garantir a continuidade do serviço

Com foco na segurança e conforto dos moradores neste período crítico, a Águas de Camboriú reforçou as facilidades no momento de quitar as faturas. É primordial que os clientes paguem a fatura. São três opções possíveis para realizar o pagamento. Desta forma, o cliente pode escolher qual forma melhor se adequa ao seu perfil: débito em conta, boleto bancário e cartão de crédito.

De acordo com a presidente da Águas de Camboriú, Reginalva Mureb, a empresa tem o compromisso de garantir o acesso ao sistema para todos, neste momento em que a água tratada é essencial para os protocolos de saúde e higiene da população. “A concessionária está comprometida com a população e espera o mesmo comprometimento e fidelização do cliente, priorizando o pagamento da fatura de água para que possamos seguir prestando um bom trabalho. Vamos vencer juntos mais esse desafio”, explica Reginalva.

Clientes que tiverem alguma dificuldade devem procurar a concessionária para negociar sua dívida. “É fundamental para a concessionária que a população pague suas faturas para cumprir com seus compromissos essenciais, visando manter os serviços de fornecimento de água de forma adequada”, finaliza.

Opções de pagamento

Através da opção de débito em conta, por exemplo, o morador autoriza que o pagamento seja realizado de forma automática, todos os meses. Para escolher esta opção, basta fazer o cadastro através do aplicativo Águas APP, disponível para download gratuitamente. Outra forma de quitar a fatura é através do boleto bancário – que também pode ser emitido através do mesmo aplicativo de celular. Nele, o morador emite o boleto e pode fazer o pagamento de forma digital, escolhendo o banco online que mais lhe agrada, ou mesmo nas agências bancárias e lotéricas. Por fim, também é possível fazer o pagamento da fatura através do cartão de crédito.

Conforme o coordenador de operações da Águas de Camboriú, Arthur May, as opções foram pensadas especialmente neste momento de crise que o mundo enfrenta. “São formas seguras e confortáveis de quitar a fatura, pois o morador pode resolver tudo de forma online”, completa. O atendimento presencial da concessionária foi temporariamente suspenso. O isolamento foi uma das formas adotadas pela empresa para combater a pandemia. Contudo, os serviços essenciais como coleta, tratamento e distribuição de água continuam sendo realizados normalmente pela equipe da linha de frente da empresa. 

 

Comente Abaixo