Fiocruz disponibiliza mais quatro milhões de doses de vacina

Laboratórios estariam com entraves para cumprir o cronograma de entregas das vacinas – Foto: Julio Cavalheiro/Secom/Divulgação/ND

A Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) vai disponibilizar mais quatro milhões de doses da vacina que produz em parceria com a Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca para o Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Segundo o Ministério da Saúde, as doses chegarão nos próximos dois dias. Com isso começarão a ser distribuídas aos estados, conforme parâmetros do plano de operacionalização do PNI.

Ainda conforme o Ministério, parte das doses será direcionada a brasileiros em cidades próximas de fronteiras com outros países. Outra parcela dos lotes será destinada a bancários e trabalhadores dos Correios.

Na semana passada, o ministro da pasta, Marcelo Queiroga, anunciou a inclusão destas duas categorias entre os públicos prioritários do Programa Nacional de Imunizações.

Para o mês de julho, a previsão é de entrega de 12 milhões de doses da vacina Oxford/AstraZeneca pela Fiocruz. Para os meses de agosto e setembro, a expectativa é de disponibilização de mais 50 milhões de doses, além de outras 60 milhões da Oxford produzidas pela Fiocruz em seu complexo de Biomanguinhos.

Nova remessa

Uma nova carga do ingrediente farmacêutico ativo (IFA) da vacina  deve chegar no próximo sábado (17). Segundo a Fiocruz, o avião que trará o lote ao Brasil está programado para as 19h35, no Aeroporto Internacional Tom Jobim (RIOgaleão).

A nova remessa do IFA será usada para a produção de dez milhões de doses. De acordo com a fundação, o lote irá garantir entregas no mês de agosto, após a realização das etapas de processamento final e controle de qualidade. A instituição aguarda novas remessas para o próximo mês.

Agência EBC