Governo do Estado precisa de mais R$ 20 milhões para obras do Centro de Eventos de Balneário Camboriú

O governador Raimundo Colombo (PSD) quer ajuda do governo federal para pagar os mais de R$ 20 milhões necessários para equipar o Centro de Eventos de Balneário Camboriú. A obra tem previsão de inaugurar até o fim do ano, antes do início da temporada de verão.

O governo do Estado já havia anunciado no ano passado a abertura de licitação para os equipamentos e o sistema de climatização, mas desde então precisou arcar com um aditivo de R$ 16 milhões, o que inviabilizou novos gastos. O dinheiro foi usado para pagar adaptações e ampliação de estruturas, o que interferiu na quantidade de material da obra.

Esta semana o governador esteve com o ministro do Turismo, Marx Beltrão Lima Siqueira, para tratar do assunto. Oficialmente, falou-se em “confirmar parcerias” para concluir os trabalhos ainda em 2017.

O governo federal tem compromisso de injetar R$ 55 milhões na obra do Centro de Eventos. Houve demora na liberação dos primeiros repasses, o que fez o Estado e a prefeitura de Balneário Camboriú adiantarem parcelas do que lhes era devido.

A obra é tocada pela construtora Salver, de Ituporanga, e o custo inicial, sem aditivos, era de R$ 89 milhões. Hoje, o secretário de Turismo, Leonel Pavan, acompanha lideranças de Balneário Camboriú em uma visita técnica à obra do Centro de Eventos.

Depois de pronto, o espaço será um dos maiores do país.

Por O Sol Diário