Homem mata a esposa a pauladas e depois comete suicídio em Itajaí

De acordo com testemunhas, o homem não aceitaria a separação pedida por sua esposa poucos dias atrás.

A polícia investiga um crime chocante em Itajaí neste domingo à noite. Um casal foi encontrado morto dentro de casa no bairro Vila Operária. A suspeita é de que o homem tenha matado a mulher e cometido suicídio na sequência.

A PM foi acionada por volta das 18h quando o irmão da mulher e a filha do casal, uma jovem de 20 anos, entraram na casa e encontraram os dois corpos.
O corpo da mulher, identificada como Giane Fiorenzano, de 43 anos, estava caído dentro da casa com diversas lesões pelo corpo. Um taco de beisebol com marcas de sangue estava ao lado do corpo.

No quintal foi encontrado o corpo do homem, Márcio Pinto, de 49 anos, também sem vida. Ele teria cometido suicídio. O local foi isolado pela equipe da PM e o Instituto Geral de Perícias foi acionado.

De acordo com uma pessoa próxima de Giane, a professora teria pedido a separação alguns dias atrás, fato este que Márcio não aceitava. Ainda de acordo com testemunha, ele teria dito que preferia matá-la do que separar-se da esposa.
Giane era professora e trabalhou no Colégio Fayal, em Itajaí, até março deste ano. O colégio se pronunciou através das redes sociais neste domingo à noite e lamentou a morte da mulher.

A Polícia Civil de Itajaí está investigando o caso.

 

Info: 1º BPM de Itajaí / O Sol Diário