Justiça manda Estado providenciar UTIs para o Ruth, enquanto Moises confirma 40 milhões para o Marieta

A coluna de hoje é rápida, como uma nota, só para mostrar os absurdos que temos que aguentar no Estado de Santa Catarina com esse governador politiqueiro e incompetente, que só veio para Balneário Camboriú para pedir apoio político e NUNCA ajudou a saúde em nada, mesmo sabendo que é obrigação do Estado o atendimento da região.

O valor de 1 milhão de reais que é repassado hoje, foi através de decisão judicial. Decisão esta que não foi cumprida por completo e ainda falta muito.

Os textos e informações abaixo falam por si só. Não precisa de adendo e nem comentários.

DE UM LADO –

– Nesta terça-feira (14/06), a Justiça determinou, por meio de uma liminar, atendendo ao pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), que o Estado providencie os leitos em UTIs neonatais para atender os recém-nascidos que necessitarem de atendimento intensivo na região de Balneário Camboriú e que hoje são encaminhados ao Hospital Maternidade Ruth Cardoso. A decisão determina a compra de vagas na rede privada e a apresentação de um plano de implementação de leitos para o cuidado intensivo dos bebês na rede pública.

Nesta terça, 14, o Hospital Municipal Ruth Cardoso, as UTIs gerais estavam com a seguinte ocupação:

UTI Neo Natal (6): 5 pacientes (85%) (2 Porto Belo, 1 Camboriú, 1 Bombinhas e 1 Palhoça)
UTI Adulto (10): 11 pacientes (110%)(5 Camboriú, 4 Balneário Camboriú, 2 Itapema e 1 Campo Mourão)

DO OUTRO LADO

– O Governo do Estado anuncia, nesta terça-feira (14), em ato oficial em Itajaí, a finalização do repasse de R$ 40 milhões para o Hospital Marieta Konder Bornhausen. O valor será usado para instalação de aparelhos e mobiliário na nova torre, que teve investimento de R$ 95 milhões. A construção da nova estrutura também foi totalmente bancada pelo Executivo estadual, por meio do Pacto pela Saúde.

Do último aporte de R$ 40 milhões, parte é decorrente do Pacto pela Saúde, sendo que R$ 35 milhões já foram repassados à unidade. Os outros R$ 4.350.710,65 deverão ser liberados em junho após a aprovação do Relatório de Identificação de Intervenções pelo BNDES.


 

Justiça manda Estado providenciar UTIs para o Ruth, enquanto Moises confirma 40 milhões para o Marieta
Poucas e Boas – Por Gian Del Sent

Publicidade