Maio Amarelo leva educação para o trânsito a quase 3 mil crianças em Camboriú

Cerca de 3 mil estudantes da rede municipal de ensino em Camboriú participaram de palestras educativas sobre segurança no trânsito ao longo do mês. As palestras fizeram parte da programação do Município para o Maio Amarelo, que também incluiu blitze educativas com o apoio da Polícia Militar e alunos do Programa de Prevenção às Drogas e à Violência (Proerd). Segundo Tiago Hinckel, responsável pelas palestras, o objetivo da ação era capacitar as crianças para serem multiplicadoras. “Apresentamos as principais causas de acidentes e instruímos as crianças para identificar erros e imprudência. Elas gostaram muito e já tivemos retorno de pais dizendo elas estão cobrando deles uma direção segura”, destaca.

As palestras foram realizadas nas escolas Artur Sichmann, Abelardo Torquato Rosa, Clotilde Ramos Chaves, Domingos Fonseca e Tânia Regina Garcia. Além das palestras, cujo público eram as crianças, o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) atuou em parceria com a Polícia Militar na realização de blitze educativas. “Os alunos do Proerd contaram com orientação da PM em sala e saíram com a gente às ruas para abordar motoristas e compartilhar informações”, explica o Diretor de Trânsito de Camboriú, Edemir Meister.

Segundo Meister, o Maio Amarelo é um momento importante para ampliar o alcance da população à consciência sobre as responsabilidades que cada um tem para a segurança no trânsito. “Acidentes no trânsito são a primeira causa de morte entre os jovens e adolescentes a partir de 15 anos. O trânsito é um espaço compartilhado e cada pessoa, seja pedestre ou condutor, tem sua parcela de responsabilidade pela segurança de todos”, reforça.