Moradores denunciam crime ambiental no Cedro em Camboriú

Os moradores do condomínio Vila dos Cedros, em Camboriú, estão assistindo de camarote a degradação do morro dos Cedros. São constantes queimadas e invasões que assustam a vizinhança e que colocam a área de preservação ambiental (APP) em risco.

Na tarde de terça-feira, mais uma queimada foi registrada. O fogo ocorreu no morro onde está construída a Associação de Servidores Municipais no bairro Cedro, bem ao lado do condomínio Vila dos Cedros. As chamas e a fumaça podiam ser vistas de longe. Vídeos foram feitos mostrando as chamas bem no meio do morro. “O fogo é frequente, mas ontem [terça] foi gigante. Existem posseiros e invasores, que estão vendendo e ocupando o morro à margem da lei”, conta a denunciante  Carla Rosana Krug, ex-coordenadora da defesa civil de Camboriú.

Segundo ela, os posseiros colocam fogo na mata frequentemente para ir degradando o morro. Para piorar a situação, foi aberta uma estrada no meio da mata e o local também tem sido usado para festas nos finais de semana. “As festas aos finais de semana são abusivas. Abriram uma rua e a festa está feita, com o livre acesso. Eu entrei em contato nos últimos 12 meses por várias vezes com a prefeitura, já repassei a MP, mas tudo acaba em pizza”, denuncia.

O morro, segundo a vizinhança, tem cachoeira, fauna e flora riquíssima. Pelo plano diretor do município, o local não pode ser ocupado. A moradora relata que, na terça-feira, logo após a denúncia de um novo incêndio, os bombeiros apareceram prontamente, já a Fundação do Meio Ambiente de Camboriú (Fucam) não deu as caras. “Nosso condomínio tem uns 200 apartamentos, todos os moradores estão assustados, porque, além da deterioração ambiental, ocorre a ocupação irregular, levando muita gente estranha para o bairro”, alegam.

O DIARINHO fez contato com a prefeitura na manhã desta quarta-feira. Foi informado que a Fucam recebeu a denúncia, que foi ao local, mas o autor do incêndio não foi identificado. A prefeitura alega que está acompanhando o caso.

Por Diarinho

Publicidade