Moradores do Centro de BC reclama da iluminação pública e bagunça de fios

A aposentada Judite Martinha Bello entrou em contato com o DIARINHO para reclamar que o poste de luz que fica em frente à casa está com defeito, na rua 904, no centro de Balneário Camboriú. Segundo ela, já faz um mês e meio que o poste tem ficado com a luz apagando e acendendo a cada meia hora.

“A luz do poste fica mais apagada do que acesa. Minha filha já ligou lá na Celesc duas vezes, eles falam que vem consertar mas até agora não vieram. Por causa disso o portão da nossa casa fica escuro e temos medo já que moram só eu e meu marido. E isso que estamos pagando pelo serviço de luz”, explica a moradora.

A filha da aposentada, Rosilene Bello Vargas, contou que precisou inclusive colocar uma placa de ‘cão bravo’ na frente da casa para poder de alguma forma proteger os pais que ficam no escuro. “Já tentei ligar pra Celesc várias vezes, só pode que eles deixam o telefone fora do gancho porque sempre dá ocupado”, reclama a filha.

Segundo o gerente da Celesc, Pedro Molleri, esse problema não deve ser tratado com a Celesc, pois iluminação pública é um assunto da prefeitura do município. “Ela deve ligar lá na secretaria de Obras e informar o endereço, que o pessoal vai até lá para fazer a manutenção” explica. Para contatar a secretaria de Obras de Balneário Camboriú basta ligar pelo telefone (47) 3366-8887.

Leitora denuncia fios de luz largados 

Uma leitora entrou em contato com o DIARINHO para denunciar fios de luz largados no centro de Balneário Camboriú, bem na rua 4750, na Barra Sul.

Segundo a explicação da Celesc, a concessionária aluga os postes para a passagem de cabos de empresas de telecomunicação e a fiscalização e ordenamento são de responsabilidade da própria Celesc, que desenvolveu em março de 2020, um Manual de Procedimentos que regulamenta o uso dos espaços. A Celesc se comprometeu em fiscalizar o local.

Por Diarinho