Motoristas de aplicativo são encontrados mortos depois de quatro meses desaparecidos

Os corpos de dois motoristas de aplicativo que desaparecerem há quatro meses, em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, foram encontrados na tarde desta quarta-feira (19), no interior do município.

Os restos mortais estavam enterrados em um matagal e foram localizados pela Polícia Civil, com apoio do Corpo de Bombeiros e de um cão farejador. 

Simone da Silva Filho, de 32 anos, e Evanir Pires do Santos Taborda, de 34 anos, foram vistos pela última vez no dia 20 de janeiro. Eles dividiam o mesmo carro para fazer as corridas, enquanto o veículo da mulher estava no conserto.

Familiares de Evani teriam relatado à polícia que ambos os motoristas iriam até Xaxim, em uma corrida na mesma região, mas não se sabe se eles chegaram ao destino. O veículo foi encontrado pela polícia abandonado na cidade de Trindade do Sul, no Rio Grande Sul.

A Polícia Civil está no local. Logo mais informações.