Obra da praça do elevado continua parada e sem iluminação

Embora há de se concordar que a praça, bem na entrada da cidade, está ficando muito bonita, a obra está atrasada em pelo menos um ano. A construção de todo complexo, contendo elevado e praça, se arrasta desde março de 2020.

Com licitação homologada em fevereiro de 2020, a obra tinha um prazo de 8 meses para ser entregue, o que claramente não aconteceu.

A um custo de R$ 10,6 milhões, a obra prevê quatro pistas paralelas para o trânsito de veículos, ciclovia, calçadas com acessibilidade e uma área de urbanização com 15 mil m². No local haverá itens de lazer como dog park, espaço para ginástica, parquinho infantil, praça e paisagismo, além de possuir mobiliários urbanos e iluminação com sistema de led.

COMO ESTÁ?

A reportagem do Portal Visse esteve nesta tarde visitando a obra da “Praça das Sereias” (que não tem mais sereia) e encontrou uma praça bonita, mas inacabada e sem previsão de terminar tão cedo.

A praça inteira não tem NENHUMA lâmpada instalada. Sim, está tudo num breu. Nem mesmo o playground está iluminado e depende da iluminação da panorâmica. O resto está tudo no escuro. Durante o dia é possível ver apenas a tubulação e alguns pontos de fixação de postes, mas sem luz.


A pior parte está na calçada que atravessa o elevado e vai até o acesso da Martin Luther. A obra está totalmente parada a meses, inclusive oferecendo risco a pedestres que transitam na região, com armações de ferro expostas, arames e muita lama. Há caixas de energia e telecomunicação sem nenhum tipo de isolamento e apenas a guia podo tátil está instalada.

A reportagem entrou em contato com a prefeitura para saber o porquê do atraso e qual o posicionamento da administração pública sobre o assunto. Como sempre, intensificado pelo carnaval, não tivemos retorno até o fechamento da matéria.

Confira mais imagens 

Publicidade