Polícia Civil prende em flagrante dois receptadores de fios furtados da Ponte Hercílio Luz

Policiais civis da Delegacia de Polícia do Continente, em Florianópolis, identificaram e prenderam em flagrante dois receptadores de fios furtados da Ponte Hercílio Luz. As prisões aconteceram na terça-feira, 08, nas comunidades conhecidas como “Maloca” e “Morro da Caixa”. O suspeito dos furtos também foi identificado e será indiciado no curso do inquérito policial.

“Agora o setor de investigação trabalha para identificar outros envolvidos na ação criminosa”, explica o delegado Paulo Augusto Hakim.

O inquérito policial instaurado para apurar os furtos ocorridos na ponte indica que, em quatro dias distintos, foram subtraídos cerca de mil metros de cabos.

Após as diligências realizadas na terça-feira, foram localizados e apreendidos aproximadamente 100 metros de fiação, que foram restituídos ao representante legal da ponte.

Sobre os furtos e andamento da obra

Os condutores elétricos estão sendo instalados para a iluminação da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis. A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) informa que os furtos dos cabos de cobre ocorreram na subestação continental da ponte e ao longo da estrutura, na altura da pista. Trechos da tubulação foram abertos e os cabos cortados.

Como não é possível realizar emenda ao longo dos circuitos principais, será necessário passar o cabeamento por todo o trecho novamente, o que pode gerar um impacto na obra e possível atraso na conclusão, uma vez que, por conta da pandemia da Covid-19, os fornecedores estão limitando as demandas e solicitando prazos mais longos para entrega.

Comente Abaixo