Polícia prende principal suspeito de matar venezuelanos no Monte Alegre

O principal suspeito de matar os três venezuelanos em Camboriú foi preso. Ele foi pego pela Polícia Militar na noite de segunda-feira (20) em uma casa no bairro dos Municípios, em Balneário Camboriú. A informação foi dada pelo delegado Paulo Alexandre Freyesleben e Silva, responsável pelo caso, ao portal NSC.

Agora, a Polícia Civil tenta localizar duas testemunhas que viram quem fez os disparos contra os três homens. O suspeito também será interrogado.

O triplo homicídio aconteceu no domingo (19), por volta das 5h. Victor Simon Patete Viamonte, de 28 anos, comemorava sua despedida junto dos amigos José Guilhermo Carrera, de 33 anos, e José Alexandro Subero Rivas, de 31. Eles foram assassinados na rua depois de saírem do bar. Viamonte voltaria para a Venezuela nesta quinta-feira (23) para rever a mãe e o filho.

A primeira hipótese levantada pela Polícia Civil foi de que as três vítimas tivessem sido mortas após uma discussão com o autor, por conta de mulher. Na tarde de segunda-feira (20), o delegado disse que o alvo principal do crime tinha uma barbearia e havia registrado boletim de ocorrência contra um cliente, também venezuelano, com quem discutiu e foi ameaçado de morte.

Por Linha Popular

Publicidade