Prefeitos da região se posicionam contra Lockdown no fim de semana

Foto: Mauricio Vieira / Secom

Em reunião realizada na manhã de hoje, entre o governador Carlos Moises e os prefeitos das maiores cidades do estado, alguns dos gestores da região se posicionaram contra o Lockdown do final de semana.

Os prefeitos Fabrício Oliveira, de Balneário Camboriú; Emerson Stein, de Porto Belo e Paulinho Dalago, de Bombinhas, foram contra a decisão de manter o fechamento total. Acompanhou os prefeitos da região, Clésio Salvaro, prefeito de Criciúma. De acordo com os prefeitos, o estado erra em falar em lockdown, sem a previsão de novos leitos de UTI.

O Governo do Estado pretende manter a restrição nos sábados e domingos, e anunciou mais algumas medidas restritivas para o estado diante da pandemia. Ao mesmo tempo, também não anunciou novas iniciativas sobre a melhora do sistema de saúde diante da demanda.

Os prefeitos ainda pediram ao Estado um planejamento mais pontual e preciso das ações de enfrentamento da pandemia. Dos leitos anunciados como pactuados pelo Estado, poucos foram de fato instalados.

RESTRIÇÕES

O Procurador Geral do Estado, Alisson de Bom de Souza, confirmou nesta manhã de quarta-feira (10) um novo lockdown para o próximo fim de semana, entre às 23h do dia 12 até as 6h do dia 15. Para os dias úteis, haverá restrições de capacidade, mas está mantido o funcionamento dos serviços não essenciais.

Confira algumas medidas adotadas para os dias de semana:

  • Proibição de aglomeração de pessoas em toda e qualquer atividade, em espaços públicos.
  • O transporte coletivo segue operando com 50% da capacidade.
  • Consumo de bebidas alcoólicas nos estabelecimentos limitado até as 21h.

O decreto anunciando as novas medidas, deve ser publicado nas próximas horas.