Presa em Camboriú mulher acusada de atear fogo no pai de amiga

Uma jovem de 21 anos, que estava foragida, foi presa em Itapema na tarde de segunda-feira (25). Ela é acusada de ter agredido e tentado matar um homem ateando fogo nele.

O crime aconteceu em agosto de 2020, na Estrada Geral dos Caetés, no interior do município de Camboriú. A vítima, um homem de 53 anos, teria marcado um encontro com sua filha para resolver problemas familiares.

Foi quando o homem foi surpreendido pelo grupo, que o agrediram e atearam fogo nele e em seu carro. Ele foi levado ao hospital e sobreviveu.

A mulher é investigada por tentativa de homicídio. O mandado de prisão preventiva foi expedido pela Polícia Civil de Camboriú. Ela foi presa em sua casa.