SC tem mais de 500 casos de coronavírus e mortes sobem para 17

O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus subiu de 457 para 501 em Santa Catarina, e a quantidade de mortes aumentou de 15 para 17, segundo dados divulgados pelo governo do estado nesta quarta-feira (8) em entrevista coletiva. A maior parte dos diagnosticados está em Florianópolis, com 123 pacientes.

O Poder Executivo lançou edital para instalação de hospital de campanha de alta complexidade com capacidade para 100 leitos de Unidade de Terapia Intensiva.

O estado tem atualmente 194 profissionais de saúde da rede estadual afastados do cargo, em isolamento domiciliar, sendo que 14 estão com Covid-19. Em função dessa situação, o governo disse que está trabalhando num formato de admissão mais ágil para o setor.

O governador Carlos Moisés (PSL) voltou a incentivar o uso de máscaras e disse que, ainda que alguns setores econômicos tenham sido autorizados a funcionar, isso não representa uma volta à normalidade, e a recomendação continua sendo que as pessoas evitem sair de casa.

Moisés afirmou também que o comércio em geral, transporte coletivo e eventos em geral ainda não têm data para voltar a operar. A quarentena no estado termina na próxima segunda-feira (13).

Internação na UTI

Entre as pessoas com coronavírus internadas, 52 estão em UTIs, sendo 23 na rede pública e 29 em unidades de saúde privadas. Ao menos 16 pacientes com a doença tiveram alta do tratamento intensivo e agora estão na enfermaria, e 56 que passaram pela mesma situação estão com suspeita de Covid-19.

Na coletiva, Moisés ressaltou que o estado adquiriu 20 novos leitos de UTI, aumento de 25%, e está alugando leitos rede da privada hospitalar. Antes da crise, eram 800 leitos do tipo e a meta é conseguir mais 713. Atualmente, 174 estão disponíveis para a população.

Comente Abaixo