Prestes a completar 4 anos da doação, veículo finalmente foi transferido para a prefeitura de Camboriú

Faz bastante tempo que venho falando de uma Fiat Strada doada pela Receita Federal para a cidade de Camboriú. A doação feita em 18 de junho de 2018, também contou com o repasse de um ônibus.

Em 2020, o caso do veículo foi denunciado pelo Portal Visse. A prefeitura havia plotado o veículo e estava circulando sem que a documentação estivesse regularizada em nome do município. Depois da denúncia, o veículo foi recolhido para o pátio nos fundos da prefeitura.

Na época, o então chefe de gabinete disse que estava tudo certo, houveram alguns atrasos, mas que estavam apenas esperando o Detran reabrir (fechado pela pandemia) para fazer a transferência. Na época, Ariel Silva ainda deu a entender que a denúncia do Portal Visse seria uma espécie de “picuinha”. Um ano depois, questionado sobre o caso, o ainda chefe de gabinete deu uma longa explicação e voltou a dizer que estava “quase”.

O tempo passou, o Visse voltou a abordar o assunto em notícias, e nada da pickup ser transferida.

De uns dias pra cá, no trajeto de casa para o trabalho, notei que o veículo havia saído do pátio da prefeitura. Em contato com algumas fontes, descobri que o Secretário Alexandre Silveira havia “encarado a briga” e tomado frente para regularizar o veículo para colocar a serviço da Secretaria de Obras.

Relembrando a data para fazer a matéria de “aniversário”, fui consultar o Detran de MG para ver a situação do veículo e vi a seguinte mensagem:

Consultando no Detran SC, tive a grata surpresa: 

Dito e feito! Uma salva de palmas para o secretário Alexandre Silveira.

Prestes a completar 4 anos da doação do veículo pela Receita Federal, finalmente o veículo entrou em processo de transferência neste dia 1° de junho e agora já faz parte da frota do município de Camboriú. Precisou a obras assumir a bronca para resolver?

A “data de aquisição” que está no dossiê, não me deixa mentir. 18/06/2018.

Encerro aqui a saga da “Strada da Discórdia”, mostrando que nem tudo é “Picuinha”.

Quer entender melhor a história? 
Veja os links abaixo. 

1 – Prefeitura de Camboriú está usando veículo ilegalmente em sua frota
2 – Carro ilegal da prefeitura de Camboriú foi recebido em doação em 2018 
3 – Aniversário de 2 anos: Veículos doados a Camboriú ainda não foram regularizados
4 – Aniversário de 3 anos: Veículos doados a Camboriú ainda não foram regularizados


Prestes a completar 4 anos da doação, veículo finalmente foi transferido para a prefeitura de Camboriú
Poucas e Boas – Por Gian Del Sent

Publicidade