Antigo Prédio dos Correios de Itajaí pode virar centro cultural

O prédio e o terreno da antiga sede dos Correios, no centro de Itajaí, poderão ser repassados à administração municipal. O prefeito Volnei Morastoni esteve hoje (28) em Brasília com a diretoria executiva da empresa e negocia uma permuta para que o Município reforme e ocupe o espaço hoje abandonado. O presidente Guilherme Campos Júnior reforçou o interesse e dará apoio à iniciativa da prefeitura.

De acordo com o prefeito de Itajaí, esse é um assunto que vem sendo discutido desde a transição do governo, no ano passado. Os Correios têm a intenção de fazer novos investimentos na cidade, que ainda são mantidos em sigilo, e manifestou interesse em oficializar uma troca de terrenos com o poder público municipal.

A proposta da Prefeitura de Itajaí é reformar e ampliar o prédio na esquina das ruas Felipe Schmidt e Gil Stein Ferreira, construído para ser a sede dos Correios em 1942. “Saí muito otimista e contento dessa reunião. O presidente Guilherme demonstrou todo o interesse em tornar real o nosso projeto”, comenta Volnei ao revelar que o espaço no Centro de Itajaí deve abrigar um centro cultural, por meio de uma permuta com outra área do município.

O local foi desocupado em maio de 2015 e desde então vem sendo alvo de vandalismo e ocupação irregular. Em outubro, O Município de Itajaí, por meio da Sala de Situação de Combate à Dengue, realizou uma limpeza emergencial no prédio.

De acordo com o superintendente da Fundação Cultural, Normélio Pedro Weber, aquele é uma área com muita circulação de pessoas e ideal para abrigar, por exemplo, um Museu de Artes – espaço que Itajaí ainda não tem. “A efervescência do nosso movimento cultural pede mais espaços para darmos visibilidade à produção artística de Itajaí. Temos muitas obras de arte guardadas, pois nos falta espaço para expor”, comenta.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com