Prefeitura de Camboriú recolhe informações de famílias atingidas pela enxurrada

A Prefeitura de Camboriú trabalha desde a manhã da quinta-feira, dia 11, para verificar a possibilidade de decretar Situação de Emergência no município. Nesta sexta-feira, dia 12, os servidores municipais iniciaram a coleta de informações sobre as perdas e danos das famílias atingidas pelas enxurradas. A estimativa da Defesa Civil é de que mais de mil pessoas tenham sofrido sérios prejuízos decorrentes das inundações e deslizamentos de terra.

Para os coletar os cadastros nos bairros Santa Regina, Areias, Cedro, Rio Pequeno, São Francisco de Assis e Lídia Duarte, foram mobilizados servidores das secretarias de Proteção e Defesa Civil, Assistência Social e Administração. Os Agentes Comunitários de Saúde estão mapeando as incidências nos bairros Taboleiro, Monte Alegre e Conde Vila Verde. A expectativa é de que na segunda-feira, dia 15, todas as famílias já tenham sido visitadas, bem como os danos e perdas mapeados para justificar o decreto.

As medidas respeitadas para efetivação legal da Situação de Emergência seguem as exigências da Instrução Normativa nº 02/2016, do Ministério da Integração Nacional. O diagnóstico da Defesa Civil municipal é de que Camboriú se enquadra no nível II quanto à intensidade dos desastres, que corresponde a desastres de média intensidade. “Nesse nível, se enquadram os danos e perdas que são superáveis e suportáveis pelo governo local com o apoio dos governos Estadual e Federal”, explica o secretário Flávio Geraldo.

De acordo com o prefeito Elcio Rogério Kuhnen, o decreto só será publicado se verificado que os danos na cidade realmente se enquadram no exigido pela legislação nacional. “Estamos trabalhando com muita agilidade, mas também muita responsabilidade, para usar todos os recursos possíveis. Nossa prioridade é atender a população de Camboriú com respeito e seriedade”, defende.

Apoio e doações

Na tarde desta sexta-feira, dia 12, os deputados estaduais Dirce Heiderscheidt e Vicente Caropreso visitaram Camboriú para averiguar os estragos causados pelas inundações e deslizamentos de terra e oferecer auxílio. Dirce Heiderscheidt e o prefeito Elcio Rogério Kuhnen circularam pelas ruas com maiores danos na cidade. A deputada se prontificou a auxiliar na arrecadação dos itens necessários para os moradores que tiveram suas casas invadidas pela água: roupas de verão, produtos de limpeza, alimentos, colchões e roupas de cama.

Quem deseja contribuir com as famílias prejudicadas pela enxurrada pode deixar sua doação na sede da Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, que fica na Rua Presidente Costa e Silva, número 329. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 12 às 18 horas, e o telefone para contato é o (47) 3365 0607.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com