Após publicação de Processo Seletivo, prefeitura de BC alega “equívoco”

O Processo Seletivo publicado pelo Portal Visse no dia 19 de Novembro, foi excluído do site da prefeitura de Balneário Camboriú.

De acordo com a prefeitura, a empresa contratada para realizar o processo seletivo, a FEPESE, teria errado ao publicar o edital em seu site sem estar definida a realização ou não do seletivo.

Acontece que os editais também foram publicados no portal da prefeitura e os arquivos que foram disponibilizados na matéria do Portal Visse, foram retirados da aba editais do site da prefeitura. A FEPESE não tem acesso as senhas do site da prefeitura de Balneário Camboriú e a publicações de editais ficam a cargo da presidência da comissão de licitação, composta por funcionários públicos.

De acordo com informações recebidas pelo Visse, a publicação dos editais causaram revolta por parte dos ACTs que fizeram a prova em 2019 e trabalharam no ano de 2020. De acordo com a informação recebida, os temporários com contrato ativo esperam uma nova renovação que não é prevista no edital e a prefeitura estaria tentando viabilizar isso. De acordo com o edital de 2019, o prazo do contrato é de 6 meses prorrogável por mais 6, sem outras possibilidades.

Em nota, a prefeitura culpa a empresa por um suposto “equivoco” na publicação do edital, mas não explica como as publicações foram parar no site da prefeitura, que a FEPESE não tem acesso. A nota vem acompanhada de um print do site da FEPESE.

Nota de esclarecimento sobre os processos seletivos

A Prefeitura de Balneário Camboriú, por meio da Secretaria de Administração, informa que por um equívoco da Fundação de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas (Fepese), foram publicadas as minutas dos editais dos processos seletivos destinados à formação de Cadastro Reserva para a admissão em caráter temporário. A empresa emitiu nota de retratação após notificação da Administração Municipal e excluiu as publicações.

Esclarece ainda que, neste momento, em que a região encontra-se em um nível elevado de transmissão da Covid, a abertura de um processo seletivo poderia gerar aglomeração. Desta forma, a administração municipal, por meio da Procuradoria Jurídica estuda alternativas para contornar essa situação.

No site da FEPESE, a empresa absorve a culpa pelo acontecimento e presta esclarecimentos. 

NOTA DE ESCLARECIMENTO
A Fundação de Estudos e Pesquisas Socioeconômicos (FEPESE), esclarece que, por lamentável equívoco, foram publicadas em nosso site, as minutas dos Editais dos Processos Seletivos destinados à formação de Cadastro Reserva para admissão em caráter temporário no Quadro de cargos do Poder Executivo e do Quadro de cargos do Magistério Público do Município de Balneário Camboriú. Esclarecemos, outrossim, que apenas as minutas dos Editais foram publicadas, não tendo sido disponibilizados os processos de inscrição e de remessa de documentos. Tão logo o equívoco foi constatado, as publicações foram excluídas da rede mundial de computadores. Pelo fato descrito, a FEPESE pede desculpas formais e públicas ao município de Balneário Camboriú e à sociedade em geral.
Florianópolis, 19 de novembro de 2020.
FEPESE CONCURSOS
FEPESE

Comente Abaixo