Barco carregado com 2,8 toneladas de cocaína é interceptado pela PF em Itajaí

Droga estava escondida embaixo do gelo (Foto: Reprodução, PF)

Um barco pesqueiro foi interceptado pela Polícia Federal com 2,8 toneladas de cocaína em Itajaí, no Vale, na madrugada deste sábado (3). Sete pessoas foram presas por tráfico internacional de entorpecentes, já que o barco tinha como destino final a costa da África. A droga, segundo a PF, estava em dezenas de bolsas estanques escondidas embaixo de 30 toneladas de gelo.

De acordo com a Polícia Federal, o barco se encontrava no rio Itajaí-Açu quando houve a abordagem que aconteceu com apoio da Marinha do Brasil. Depois a interceptação a embarcação foi levada para um cais onde está sendo feita a retirada da droga desde a madrugada.

Polícia Federal interpretou barco que iria para África carregado com 2,8 toneladas de cocaína — Foto: Polícia Federal/Divulgação
Polícia Federal interpretou barco que iria para África carregado com 2,8 toneladas de cocaína — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Para localizar a droga os policiais tiveram que retirar grande parte do gelo que estava na câmara fria que é própria de embarcações da pesca industrial, onde é armazenado o pescado. A droga estava escondida sacolas em feitas de material impermeável para que não molhassem.

Segundo a PF, será necessário fazer uma drenagem do compartimento, para confirmar o volume total de drogas que havia no barco.

A tripulação foi presa em flagrante por tráfico internacional de entorpecentes e ficará à disposição da Justiça Federal em Itajaí.

Droga estava escondida em sacolas impermeáreis — Foto: Polícia Federal/Divulgação
Droga estava escondida em sacolas impermeáreis — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Polícia Federal contabilizou 2,8 toneladas de cocaína até a tarde deste sábado (3) — Foto: Polícia Federal/Divulgação
Polícia Federal contabilizou 2,8 toneladas de cocaína até a tarde deste sábado (3) — Foto: Polícia Federal/Divulgação

G1 SC