Corpo de mulher desaparecida desde maio em Piçarras é encontrado em Joinville

Débora estava desaparecida desde o início de maio – Foto: Reprodução/Internet/ND

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídios de Joinville, na quinta-feira (14), por volta das 20h10min, diligenciou acompanhada da Perícia Científica e da Polícia Militar no atendimento de uma ocorrência noticiando a localização de um cadáver de uma mulher, na Estrada Fazenda, distrito de Pirabeiraba, em Joinville.

Nesta sexta-feira (15), se teve a confirmação pelos exames periciais realizados pelo IML local se tratar de Débora Custódio Arruda, de 56 anos, vítima de homicídio ocorrido na Comarca de Balneário Piçarras, estando desaparecida desde maio. O inquérito policial foi instaurado pela Polícia Civil da Comarca de Piçarras.

A Delegacia de Homicídios de Joinville aguarda a formalização dos exames periciais para a remessa à Delegacia de Polícia da Comarca de Balneário Piçarras, que está ciente e acompanhando as diligências policiais.

RELEMBRE O CASO 

O corpo de Débora Custódio Arruda, de 56 anos, era procurado pela Polícia Civil de Joinville, após um homem procurar a polícia e confessar ter matado a mulher no carro dela, em Balneário Piçarras, e depois ainda ter oferecido carona a duas pessoas.

Débora estava desaparecida desde o dia 6 de maio, quando, segundo familiares, deu carona a um homem, na saída de um supermercado. Após isso, o carro dela foi visto furando o pedágio em Barra Velha, sentido Norte da BR-101.

O homem admitiu ter estrangulado a vítima até ela ficar inconsciente. Depois, dirigiu até um lugar afastado, onde tirou Débora do carro, e a estrangulou novamente, desta vez, até a morte e passou a dirigir no sentido Joinville.

Publicidade