Rede de água se rompe, abre cratera e engole caminhão no centro de BC

O rompimento de uma grande rede de água na rua 2970, no centro de Balneário Camboriú, abriu uma cratera no meio da via.

Um desavisado em um caminhão carregado de cimento, não se deu conta do tamanho da “caca” e acabou sendo engolido pela cratera. O motorista nada sofreu.



De acordo com a assessoria da EMASA, o comunicado avisando que a tubulação se rompeu, foi por volta das 6 da manhã. O caminhão, de acordo com populares, caiu por volta das 7.

Ainda de acordo com a assessoria, não teria dado tempo de sinalizar o local. O Funtran também não sinalizou.

Equipes da EMASA ajudaram a remover o caminhão e iniciaram os reparos na rede.

 

Confira a nota da EMASA

Ruas do Centro poderão ficar sem água devido a rompimento de rede de água

A EMASA comunica que na manhã desta terça-feira (12), ocorreu um rompimento em uma grande rede de água da Rua 2970, próximo ao número 320. Para o conserto emergencial foi necessário fechar o registro e poderá faltar água nas Ruas 3122 até a 3144 (entre Avenida Brasil e Terceira Avenida); da Rua 2500 a 3000 (entre Avenida Brasil e Terceira Avenida e nessa região da Terceira Avenida); toda a extensão das Ruas 2970 e 2800.

Ainda não há previsão para que o serviço seja concluído e o abastecimento normalizado.

Com o vazamento, ocorreu interferência no solo cedendo o calçamento, e com isso, um caminhão caiu no local. Uma máquina da EMASA irá auxiliar na remoção e agentes de trânsito estão no local para organizar o trânsito.

A Emasa recomenda que os moradores economizem água neste período, e caso percebam a falta de água fechem os registros de entrada dos cavaletes e reabram somente após a normalização, para evitar a ocorrência de água turva.

A Autarquia lembra que, a água que estará na rede de distribuição no primeiro momento sairá turva, já que nas paredes internas das tubulações há o acúmulo de sais inorgânicos, conhecidos na indústria como incrustação, que com grandes variações de velocidade da água devido a despressurização das redes, pode se desprender das partículas, ocasionando o aumento da cor e turbidez. Logo que ocorre o retorno do abastecimento, não é recomendado utilizar para lavar roupas, por exemplo.

Dúvidas e informações pelo telefone 0800 643 6272 ou no Whatsapp da EMASA (47) 3261-0000.

 

Comente Abaixo
error: Este conteúdo é protegido. As fontes estão mencionadas no final da matéria.